PUBLICIDADE

Nutricionista revela 5 alimentos que estimulam os hormônios sexuais

Dieta e libido costumam andar lado a lado e um pode interferir diretamente no outro

29 abr 2022 08h31
ver comentários
Publicidade
Alimentos que melhoram a produção de hormônios sexuais
Alimentos que melhoram a produção de hormônios sexuais
Foto: Shutterstock / Sport Life

Ao contrário do que algumas pessoas imaginam, os hormônios sexuais não são importantes apenas para que você tenha um bom desempenho na hora de transar. A testosterona (masculino) e o estrogênio (feminino) são fundamentais para a saúde geral do organismo, a performance esportiva, o bom funcionamento dos órgãos e até mesmo para o humor e as condições mentais.

Por isso, manter os níveis adequados de hormônios sexuais no organismo é um dos princípios básicos para ter uma saúde equilibrada e forte. Dessa maneira, o estilo de vida saudável - com a prática de atividades físicas regulares, uma dieta balanceada e boas horas de sono - tem um papel importante para a produção adequada dessas substâncias.

No entanto, existem também alguns alimentos e nutrientes específicos que podem turbinar naturalmente a produção de hormônios sexuais. "Uma alimentação pobre em antioxidantes, arginina, zinco e magnésio fará com que a estimulação de hormônios sexuais e hormônios que estimulam prazer seja impactada gerando queda na libido. Por isso, investir nesses alimentos é o diferencial", explica a nutricionista Alice Paiva.

Dessa forma, com a ajuda da especialista, separamos cinco alimentos saudáveis e que podem aumentar a produção de hormônios sexuais no seu organismo. Confira:

1. Chocolate 70% cacau. Quanto mais cacau, maior a liberação de serotonina, neurotransmissor que proporciona a sensação de prazer. A feniletilamina, também conhecida como "hormônio da paixão", e o alcaloide, um estimulante que potencializa a libido, também são estimulados. Todos eles melhoram a libido.

2. Amendoim. Ele é rico em arginina, que participa da produção de oxido nítrico e é um composto que está envolvido na vasodilatação sanguínea, estimulando apetite sexual, lubrificação e ereções.

3. Maca peruana. Um tubérculo que atua como poderoso estimulante sexual, pois age no hipotálamo e na suprarrenal. Algo que estimula a produção de hormônios sexuais, resultando no aumento da libido.

4. Ostras. São fontes de zinco, fósforo e iodo, nutrientes que estão relacionados à produção de hormônio sexuais como a testosterona.

5. Pimenta malagueta. É rica em capsaicina, substancia que estimula os hormônios sexuais e promove a dilatação dos vasos sanguíneos presentes nos órgãos sexuais. Também aumenta a liberação de serotonina, que eleva a sensação de prazer.

Sport Life
Publicidade
Publicidade