1 evento ao vivo

Por R$ 500, resorts oferecem casamento nas praias de Cancun

Com sistema all inclusive, hotéis têm cerimônia como cortesia ou cobram taxa reserva para garantir serviços como decoração, buquê e trilha sonora para os noivos

24 jun 2014
12h40
atualizado em 1/7/2015 às 12h52
  • separator
  • 0
  • comentários

São 15h de uma terça-feira em Cancun, no México. Sem nuvens, o céu completamente azul quase se confunde com a cor do mar em frente ao Le Blanc, um dos resorts mais luxuosos da região. Ao fundo, I Want To Know What Love Is, na voz de Mariah Carey, vira trilha sonora para um casal que está prestes a trocar as alianças. Pés no chão, vestido branco ao vento, um buquê de flores, duas taças de champanhe e um minibolo invadem a areia. Para finalizar, um beijo sela a cerimônia. Pode até parecer filme, mas a cena se repete várias vezes ao dia nas praias da região com hora marcada e, muitas vezes, contrato assinado.

 

 

 

<p>A executiva de contas Janaína Pi Vieira casou em uma cerimônia simbólica com o engenheiro Marco Roberto Ferreira</p>
A executiva de contas Janaína Pi Vieira casou em uma cerimônia simbólica com o engenheiro Marco Roberto Ferreira
Foto: Divulgação

 

Foi assim que a executiva de contas Janaína Pi Vieira, de 37 anos, se casou em uma cerimônia simbólica com o engenheiro Marco Roberto Ferreira, de 38, em novembro de 2013. “Eu fui pra Aruba uma vez e vi uma mulher renovando os votos. As noras estavam no altar, ela entrou com o filho e o marido ficou lá na frente esperando. Foi lindo, de tarde, os dois descalços... Aí, quando eu vi aquela cena, falei: ‘eu vou casar na praia’”, conta ela, que na época ainda não conhecia o atual marido. “Fizemos uma viagem para Cancun de um ano de namoro e foi tudo perfeito. A gente se curtiu muito. Olhei aquele mar maravilhoso e falei: ‘Má, vamos casar aqui?’. Ele não teve como falar não. Dois anos depois da nossa primeira viagem, nós casamos”,  lembra.

É inegável que casar custa caro. Festa, vestido, decoração, jantar para os convidados e mais uma série de detalhes que pesam no bolso da maioria dos noivos, que muitas vezes ainda sonha com uma viagem após a cerimônia. A boa notícia é que casar no litoral do México pode ser bem mais barato do que parece e ainda une a lua de mel à festança. A má notícia, claro, é que é preciso ser mais intimista para trocar as alianças. Se você faz o tipo que sonha com uma comemoração para 300 pessoas, o melhor é mesmo apostar no convencional.

 

Isso porque a maioria dos resorts em Cancun oferece um pacote de casamento como um serviço incluso na estada. Para se ter uma ideia, enquanto o preço médio de uma diária em um dos hotéis da região é de R$ 500, o valor para reservar uma data e casar na Paróquia Nossa Senhora do Brasil, em São Paulo, é de R$ 3,5 mil com espera de dois anos. Já o aluguel da Casa Fasano, um dos espaços mais requisitados por noivos na capital paulista, custa mais de R$ 50 mil.

“Antes não tinha custo nenhum, mas começamos a cobrar uma taxa reserva porque muitos hóspedes agendavam a cerimônia e não apareciam na hora. Então começamos a cobrar 250 dólares (R$ 500) que podem ser revertidos em crédito para os noivos, como para decoração ou audiovisual”, explicou Leonel Reyes, diretor do Hard Rock Hotel para a América Latina.

Os pacotes para quem quer casar ou renovar os votos normalmente incluem coordenadora de casamento, juiz de paz ou ministro, flor na lapela para o noivo, minibolo, champanhe para o brinde, testemunhas (caso seja necessário), trilha sonora e mordomias para a lua de mel, como rosas na cama e café da manhã no quarto para quem quer realizar a cerimônia simbólica. Alguns resorts ainda oferecem roupões personalizados, carrinhos de golf para levar os noivos até a praia, decoração com tochas e arco de bambu, serviço de mordomo, check-out com horário prolongado, jantar exclusivo para convidados, descontos no spa e um upgrade na categoria de apartamento escolhida pelo casal.

 

<p>Decoração de casamento do resort Hard Rock</p>
Decoração de casamento do resort Hard Rock
Foto: Divulgação

 

Com esse “tratamento VIP”, como Janaína mesmo define, ela fechou um pacote com passagens, hospedagem all inclusive no Grand Park Royal, seguro e transfer por sete noites por R$ 3.800 por pessoa. O valor incluía mestre de cerimônia, champanhe para o brinde, morango com chocolate, bolinho para os noivos e café da manhã no quarto. Ainda assim, ela optou por pagar mais 900 dólares (R$ 1.800) para ter serviço de fotos, decoração e se arrumar no salão. “Nós casamos às 16h30. Vieram 20 pessoas da minha família, meu pai, meus irmãos, meus tios, mas cada um pagou sua parte e aproveitou para conhecer Cancun. Depois do casamento, o hotel ofereceu pacotes de festa. Nós reservamos um restaurante onde foi todo mundo tomar champanhe e jantar”, conta.

Além de Janaína, quem também aproveitou para fazer a cerimônia simbólica foi a hoteleira Marisa Zamboni, de 41 anos. Vinte anos depois de casar com Marcio Carini Couto, de 43, ela decidiu renovar os votos na praia do resort Moon Palace, em julho de 2013. "Como trabalho com hotelaria, quis fazer a renovação e conhecer melhor o serviço. Os noivos fazem um primeiro contato com o hotel para reservar a data. Aí assim que chegam ao hotel fazem uma entrevista com a coordenadora de casamentos para decidir alguns detalhes como a cor do buquê, sabor do bolo e a trilha sonora. O custo benefício é muito bom. Tem toda a estrutura e eles cuidam de tudo", detalha ela, que apostou em uma cerimônia intimista para filhos e alguns amigos.

“O hotel oferece um bônus para os hóspedes que ficam hospedados por mais de cinco noites no valor de 1500 dólares (R$ 3 mil) por apartamento. Usei o meu para o salão de beleza. Fiz meu cabelo, maquiagem e unhas”, lembra Marisa.

 

<p>Vinte anos depois de casar com Marcio Carini Couto, a hoteleira Marisa Zamboni decidiu renovar os votos na praia do resort Moon Palace, em julho de 2013</p>
Vinte anos depois de casar com Marcio Carini Couto, a hoteleira Marisa Zamboni decidiu renovar os votos na praia do resort Moon Palace, em julho de 2013
Foto: Divulgação

 

Na época, Marisa passou cinco dias no resort, com uma diária de 200 dólares (R$ 400 por pessoa) all inclusive e o pacote de casamento como cortesia. Atualmente, assim como o Hard Rock, eles cobram uma taxa reserva de 250 dólares (R$ 500) que pode ser revertida em outros serviços para os noivos.

Se a experiência vale a pena? "A cerimonia é rápida, dura uns 30 minutos, mas é tudo inesquecível, o mar maravilhoso, o ambiente é lindo, é algo muito especial", conta Marisa. "Sempre falo para as pessoas casarem em Cancun. Gostei tanto que quero casar meus pais agora porque eles só moram juntos", aconselha a executiva de contas.

Para quem, assim como elas, pensa em trocar as alianças no litoral mexicano, veja a seguir os pacotes, preços e serviços oferecidos por resorts da região.

 

Foto: Arte Terra

 

*O Terra viajou a convite da Nascimento Turismo

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade