0

Ludmilla, Martinho da Vila e outros artistas negros contam trajetória em playlists

Disponíveis na plataforma de streaming Deezer, coletâneas fazem parte de ação para valorizar o trabalho de artistas negros

20 nov 2020
09h10
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A plataforma Deezer disponibilizou, no mês de novembro, um canal especial com conteúdo de cantores e podcasters negros. A ideia é valorizar a produção desses artistas, no mesmo período em que é celebrado o Dia da Consciência Negra nesta sexta-feira, 20.

O canal Cultura Negra está disponível na página inicial e na seção "Explorar" da plataforma. Ele é composto por "playlists 100%", que reúnem as músicas mais famosas de cantores como Elza Soares e Thiaguinho, podcasts sobre a questão racial no Brasil e também homenagens a artistas negros.

A área Playlist da Minha Vida reúne playlists feitas e comentadas por cantores como Ludmilla, Martinho da Vila, Karol Conka, Psirico e Projota, em que os cantores falam de suas carreiras a partir dos seus grandes sucessos, e explicam os efeitos deles em suas vidas.

A Deezer também irá incluir duas novas playlists, focadas em cantores negros: Axé de Protesto e Pagode. O canal também inclui uma seleção de "álbum do dia" de um cantor negro e uma sessão Tributo, com homenagens a artistas como Arlindo Cruz e Dona Ivone Lara. A sessão é atualizada semanalmente ao longo do mês de novembro.

Segundo a plataforma, todos os conteúdos originais farão homenagens a artistas negros, e a ação também inclui uma valorização de cantores que ainda estão começando a carreira, com suas músicas incluídas em palylists de gêneros como Pop, Funk, MPB e Rap.

*Estagiário sob supervisão de Charlise Morais

Veja também:

Será que Camila Queiroz mudou o visual mesmo?
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade