PUBLICIDADE

Facebook lança novas dicas e guias de Saúde Emocional no Brasil

Com a atualização, os internautas poderão ter informações na plataforma sobre como cuidar das emoções na pandemia

4 mai 2021 16h01
ver comentários
Publicidade
Central de Saúde Emocional terá dicas sobre estresse, ansiedade, depressão e hábitos saudáveis
Central de Saúde Emocional terá dicas sobre estresse, ansiedade, depressão e hábitos saudáveis
Foto: Divulgação/ Facebook / Estadão

O Facebook lança uma nova versão da central de Saúde Emocional nesta terça-feira, 4. A ferramenta traz recursos para apoiar a saúde mental das pessoas na plataforma, através de informações das organizações brasileiras Instituto Vita Alere de Prevenção e Posvenção do Suicídio e Centro de Pesquisa Mente Aberta Mindfulness Brasil.

Com a atualização, as pessoas irão encontrar dicas nos tópicos: estresse e ansiedade, crise emocional, depressão, luto e perda, hábitos saudáveis e covid-19. No Brasil, também estão disponíveis os seguintes conteúdos produzidos pelas organizações:

Aprendendo a ser feliz no dia a dia - por Mente Aberta Mindfulness Brasil; Como lidar bem com o estresse do dia a dia - por Mente Aberta Mindfulness Brasil; Como lidar com o luto - por Instituto Vita Alere de Prevenção e Posvenção do Suicídio; Ajuda para quem está passando por uma crise emocional - por Instituto Vita Alere de Prevenção e Posvenção do Suicídio; Como lidar com a depressão - por Instituto Vita Alere de Prevenção e Posvenção do Suicídio.

A ferramenta também traz recursos para aqueles que estão passando por um momento de crise emocional. Para isso, o campo conecte-se com alguém propõe uma conversa privada com um amigo de confiança e também indica a linha de apoio do Centro de Valorização da Vida (CVV), caso necessite falar com um voluntário treinado.

"O conceito de Saúde Emocional vai muito além de tratar doenças mentais, significa também desenvolver nossas próprias ferramentas internas e fortalecer a resiliência emocional para lidarmos melhor com o estresse do dia-a-dia e, em especial, podermos viver com mais qualidade de vida e propósito", ressalta Marcelo Demarzo, fundador do Centro de Pesquisa Mente Aberta Mindfulness e Promoção da Saúde.

A iniciativa foi lançada globalmente em outubro do ano passado, em parceria com organizações como a Universidade de Berkeley e a OMS. Desde então, mais de 8 milhões de pessoas em todo o mundo já acessaram a ferramenta.

"Especialistas afirmam que a pandemia potencializou os desafios em saúde mental, com efeitos que serão sentidos ainda nos próximos anos. Há mais de 10 anos, trabalhamos com organizações e autoridades em saúde para desenvolver ferramentas para apoiar nossa comunidade com recursos e informações confiáveis e de qualidade", afirma a gerente de Bem-estar do Facebook na América Latina, Daniele Kleiner.

Além do Brasil, os Estados Unidos, Índia, Nigéria, Coreia do Sul e Noruega são os primeiros países a receber a atualização com conteúdo de organizações locais.

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais

Estadão
Publicidade
Publicidade