PUBLICIDADE

Cozinha de 15m² tem estilo contemporâneo com toque campestre

Livia Amendola, sócia do engenheiro Rômulo Campos no escritório Travessa Arquitetura, projetou o ambiente que é voltado para a varanda de 7m²

30 nov 2023 - 19h09
Compartilhar
Exibir comentários

No final do ano passado, a arquiteta Livia Amendola (sócia do engenheiro Rômulo Campos no escritório @ TravessaArquitetura) e o marido compraram uma casa e, antes de se mudarem com os dois filhos para o novo endereço, decidiram reformar a cozinha, de 15m², voltada para uma varanda, de 7m², que também dá acesso à piscina e à área gourmet, logo à frente.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com

Segundo a arquiteta, antes da reforma, o local onde fica a atual bancada com fogão e cuba tinha um piso mais elevado (com uma pequena rampa de acesso), isolado por uma parede de tijolos até meia altura de um lado e, do outro, por uma mureta baixa. Além disso, havia ainda um nicho de alvenaria que abrigava a geladeira.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com

"Demolimos todos esses obstáculos, nivelamos o piso e aumentamos a janela e abertura de vão da porta para a varanda para cria uma nova cozinha, bem mais ampla, iluminada e arejada", explica Livia.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com

No geral, a palavra integração norteou o projeto da cozinha, do início ao fim. "Amamos o legado da arquiteta modernista ítalo-brasileira Lina Bo Bardi e nossa inspiração para esta cozinha foi sua famosa Casa de Vidro, onde a arquitetura cria um rico diálogo entre exterior e interior, construção e natureza", justifica a arquiteta.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com

Na decoração, que segue o estilo contemporâneo com toques campestres, é tudo novo, nada reaproveitado do endereço anterior. No quesito " paleta de cores", a dupla apostou em tonalidades extraídas da natureza para transmitir leveza e provocar a sensação de refúgio e conexão com os jardins do entorno.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com

Neste sentido, as paredes pintadas de branco ajudaram a criar um pano de fundo para destacar a marcenaria dos armários, - com acabamento ora verde claro ora amadeirado - e as esquadrias da janela e das portas de correr, de madeira maciça. Já as bancadas são de granito preto São Gabriel e o piso é de porcelanato cinza, no padrão queimado.

-
-
Foto: Produção Visual: Estudio Cabe/Fotos: Raiana Medina/Casa.com.br / Casa.com
Casa.com
Compartilhar
Publicidade
Publicidade