PUBLICIDADE

Mais de 100 mil pessoas já foram afetadas pelas enchentes no Acre

De acordo com o Corpo de Bombeiros, cerca de 15 mil estão desalojadas; Estado está em situação de emergência

1 mar 2024 - 16h23
(atualizado às 16h55)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O Estado do Acre está em situação de emergência devido às enchentes que já afetaram mais de 100 mil pessoas. Foi montada uma força-tarefa para a remoção das pessoas que estão em perigo e envio de materiais aos locais afetados. Foi também criada uma campanha para receber doações.
Cidade de Brasiléia na última semana
Cidade de Brasiléia na última semana
Foto: Reprodução/Geanfranco S Aguiar

O Estado do Acre está em situação de emergência devido às enchentes, que tiveram início com o transbordamento do Rio Acre. De acordo com o último boletim da Defesa Civil, divulgado nesta sexta-feira, 1º, o número de pessoas afetadas pelo alagamento já ultrapassa 100 mil. Os municípios de Jordão e Brasiléia os mais prejudicados. 

Segundo o governo do Estado, entre os afetados, há pessoas desabrigadas, desalojadas e aquelas que, mesmo com a chegada das águas, ainda não conseguiram deixar as suas casas. No total, há 15.089 desalojados, de acordo com dados divulgados pelo Corpo de Bombeiros. 

Os municípios afetados são: Rio Branco, Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia, Porto Acre, Plácido de Castro, Capixaba, Xapuri, Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Feijó, Tarauacá, Santa Rosa, Jordão, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Mâncio Lima.

A bacia do Rio Acre continua acima da cota de transbordo e, até a manhã desta sexta-feira, estava com 17,22mm. Além dele, o Rio Juruá chegou à marca de 13,30m, registrando 30cm acima da cota de transbordamento, que é de 13m. 

Foi montada uma força-tarefa para fazer a remoção das famílias para lugares seguros e para viabilizar o envio de água, cestas básicas, materiais de limpeza, higiene pessoal e medicamentos pelo Bombeiros, Defesa Civil, gestão estadual e municipal. 

Como doar

Além das arrecadações fornecidas por secretarias, instituições e ONGs, o governo estadual relançou a campanha Juntos Pelo Acre. Estão sendo aceitas doações de cestas básicas, água mineral, kits de limpeza e higiene pessoal.

Para ajudar, caso esteja na região, basta levar os itens para a Biblioteca Pública de Rio Branco (Avenida Getúlio Vargas, 389 - Centro). Também é possível fazer doações via Pix (SOS2024), para quem desejar ajudar financeiramente. 

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade