PUBLICIDADE

Porsche 911 GTS tem 5 versões com diferença de R$ 90 mil

Novos modelos Porsche 911 GTS começam em R$ 919 mil (Coupé) e chegam a R$ 1,009 milhão (Targa 4 GTS). Conheça as modificações do carro

23 jun 2021 11h53
ver comentários
Publicidade

A família Porsche 911 não para de crescer. Agora estão disponíveis no Brasil cinco versões do novo 911 GTS. A diferença de preços entre as cinco versões é relativamente pequena, de R$ 90 mil. Assim, a escolha da versão preferida não vai impactar muito no custo total, que é bem alto.

Porsche 911 GTS: nova geração dispoinível para encomenda.
Porsche 911 GTS: nova geração dispoinível para encomenda.
Foto: Porsche / Divulgação

Cerca de um ano e meio após o lançamento do modelo 992 no mercado, a linha 911 está dando as boas-vindas aos modelos GTS esportivos à família. Há 12 anos, a Porsche apresentou a primeira versão GTS do 911. Agora, uma nova geração do amado carro esportivo está sendo lançada. Seu motor boxer de seis cilindros oferece 480 cv, ou seja, 30 cavalos a mais do que o atual 911 Carrera S e o anterior 911 GTS.

Cinco variantes de modelo já estão disponíveis para encomenda com preço público sugerido conforme abaixo:

  • 911 Carrera GTS Coupé - R$ 919.000
  • 911 Carrera GTS Cabriolet - R$ 969.000
  • 911 Carrera 4 GTS Coupé - R$ 959.000
  • 911 Carrera 4 GTS Cabriolet - R$ 1.009.000
  • 911 Targa 4 GTS - R$ 1.009.000

O motor de 6 litros com turbocompressor tem 480 cv e torque máximo de 570 Nm, um aumento de 20 Nm em relação ao seu antecessor. Aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 3,3 segundos no 911 Carrera 4 GTS Coupé com a transmissão Porsche de 8 velocidades com embreagem dupla (PDK): 3 décimos mais rápido que sua antecessora. Uma transmissão manual de 7 velocidades com curso de mudança particularmente curto está disponível para todos os modelos 911 GTS como uma alternativa à transmissão PDK.

A suspensão, derivada do 911 Turbo e modificada para o GTS, atende às exigentes demandas de desempenho. Graças ao seu Gerenciamento de Suspensão Ativa Porsche (PASM) de série, os amortecedores respondem às mudanças dinâmicas na velocidade da luz. No Coupé e no Cabriolet, o PASM é de série, em combinação com o chassi esportivo 10 milímetros mais baixo. O conceito de molas auxiliares na parte traseira deriva dos modelos Turbo: as molas principais estão sob tensão em todas as condições de condução. A retomada permanece a mesma. O chassi do 911 Targa 4 S com PASM é usado para o 911 Targa 4 GTS.

Porsche 911 GTS: muitos detalhes de exclusividade.
Porsche 911 GTS: muitos detalhes de exclusividade.
Foto: Porsche / Divulgação

Os engenheiros também ajustaram o desempenho de parada para corresponder com o desempenho aprimorado do GTS, que faz uso do sistema de frenagem de alto desempenho do 911 Turbo. As rodas de liga leve de 20” (dianteiras) e 21” (traseiras) pretas com fixação central são do 911 Turbo. O sistema de escape esportivo de série é responsável por uma emissão sonora ainda mais emocionante, graças à sua configuração específica para GTS e à omissão de algum isolamento interno.

Porsche 911 GTS: mais rápido e dinâmico do que nunca.
Porsche 911 GTS: mais rápido e dinâmico do que nunca.
Foto: Porsche / Divulgação

Uma infinidade de detalhes externos em preto ou escurecidos é característica do 911 GTS. No 911 Targa 4 GTS, isso inclui também o arco que define o modelo e as letras Targa. Os elementos adicionais pintados em silk preto brilhante incluem o spoiler, as rodas de liga leve com trava central, as persianas da tampa do motor e a escrita GTS nas portas e na parte traseira do carro. O pacote externo, no qual esses e outros detalhes são executados em preto brilhante, pode ser escolhido como opcional.

Porsche Boxster GTS eleva o conceito de conversível:

 

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade