PUBLICIDADE

Nova moto Triumph Tiger 900 chega ao Brasil em duas versões

Motocicleta aventureira, sucessora da Tiger 800, é referência tecnológica no segmento. Preço de lançamento da nova Tiger 900 é promocional

19 jun 2020 06h00
| atualizado às 10h12
ver comentários
Publicidade
Novas motos Tiger 900 nas versões GT Pro e Rally Pro.
Novas motos Tiger 900 nas versões GT Pro e Rally Pro.
Foto: Triumph / Divulgação

A Triumph lançou esta semana no mercado brasileiro a novíssima motocicleta Tiger 900. Ela chega para revolucionar o segmento Adventure. Inteiramente transformada, a moto foi desenvolvida para substituir a bem-sucedida Tiger 800, uma lenda do motociclismo mundial, e se tornar uma nova referência no segmento das motocicletas aventureiras. A nova Tiger 900 já está à venda em duas versões: GT Pro (R$ 57.990) e Rally Pro (R$ 59.990). 

Os preços são promocionais para o primeiro lote de lançamento da linha – em torno de 70 unidades montadas na fábrica de Manaus (AM) no início do ano. A partir de 1º de julho, os preços da nova Tiger 900 serão reajustados. A principal diferença entre os dois modelos é a sua proposta de uso. A Tiger 900 Rally Pro foi projetada para oferecer o máximo em aventuras off-road, com capacidade e conforto focados no fora de estrada. Já a Tiger 900 GT Pro tem um perfil voltado para aventuras mais urbanas e viagens de longa distância com foco no on-road.

Tiger 900 GT Pro tem perfil para viagens em estradas.
Tiger 900 GT Pro tem perfil para viagens em estradas.
Foto: Triumph / Divulgação

Projetada para estabelecer uma nova referência na sua categoria, proporcionando a máxima aventura em cada pilotagem, a Tiger 900 foi completamente modificada em relação à Tiger 800, ganhando um motor triplo de 900 cm3 com respostas mais imediatas, melhor padrão de acabamentos, equipamentos e especificações, tecnologia de pilotagem melhorada e um novo estilo, mais agressivo. Além disso, a Tiger 900 está significativamente mais leve que os modelos anteriores, garantindo que ela seja a moto Adventure de médio porte mais capaz, ágil e dinâmica do planeta, segundo a Triumph.

A Triumph Tiger faz sucesso no mundo há mais de 80 anos. A partir de 1936, com os primeiros modelos de competição da Tiger, esse nome passou a desempenhar um papel significativo no estabelecimento da categoria Adventure -- de corridas a ralis e ao nascimento e à explosão das viagens de aventura. Lançada em 2010, a Tiger 800 estabeleceu uma posição de liderança no segmento Adventure de motos de médio porte, com manuseio neutro e preciso, motor de três cilindros rico em torque e acessibilidade a todos os tipos de pilotos. 

Triumph fez várias melhorias na moto para deixá-la mais confortável.
Triumph fez várias melhorias na moto para deixá-la mais confortável.
Foto: Triumph / Divulgação

Em janeiro de 2018, o protótipo Tiger Tramontana foi apresentado nol PanAfrica Rally. O novíssimo motor de 900 cm3, com capacidade e desempenho maiores, agora é totalmente compatível com as regras de emissão Euro 5 e possui uma nova ordem de ignição exclusiva. O resultado é o aumento do ruído de admissão sob carga, respostas mais ágeis do motor, um ronco distinto, maior maneabilidade e mais facilidade na redução das marchas. Com isso, a nova Tiger 900 oferece dirigibilidade típica de uma moto dois cilindros, ao mesmo tempo em que preserva o torque, o comando e a potência nas faixas intermediária e máxima de uma moto com motor de três cilindros.

O novo motor oferece um pico de torque 10% maior do que os modelos Tiger 800 anteriores – agora são 87 Nm (a 7.250 rpm), com redução de torque aprimorada em todas as rotações. A potência também aumenta em todas as faixas de rotações, com 9% a mais na faixa intermediária e um pico de potência de 95 cv (a 8.750 rpm).

Nova Tiger GT Pro: R$ 57.990 até o dia 30 de junho.
Nova Tiger GT Pro: R$ 57.990 até o dia 30 de junho.
Foto: Triumph / Divulgação

O radiador agora é duplo, uma configuração inédita, que melhora o desempenho do resfriamento e reduz o calor ambiente sentido pelo piloto. O novo estilo de radiador reforça a postura e atitude mais marcantes dessa moto de aventura. Sua forma e configuração permitem uma posição adicional do motor mais à frente, resultando em um centro de gravidade 4 cm à frente e 2 cm mais baixo. Isso melhora a distribuição de peso, ampliando a facilidade de manuseio da moto e também seu equilíbrio em baixa velocidade.

Outras melhorias no sistema do cárter e de resfriamento garantem que isso não tenha impacto na distância em relação ao chão. Há também uma caixa de ar nova, com um novo filtro de ar de acesso mais fácil, além de uma embreagem deslizante e assistida para maior conforto do piloto.

Versão Rally Pro tem preço de R$ 59.990 até o final de junho.
Versão Rally Pro tem preço de R$ 59.990 até o final de junho.
Foto: Triumph / Divulgação

Com um peso até 5 kg menor que a geração anterior, a nova Triumph Tiger 900 tem estrutura de treliça de aço, uma construção modular, com subquadro traseiro de alumínio e ganchos de pedaleira parafusados. Segundo a Triumph, é a configuração mais focada em aventura de todos os tempos para a pilotagem off-road. Há uma especificação muito alta de suspensão em toda a nova linha 900, com componentes premium das marcas Marzocchi ou Showa.

O modelo GT Pro apresenta uma suspensão traseira eletronicamente ajustável, permitindo que o piloto selecione as configurações de pré-carga e amortecimento traseiros por meio de um menu no painel de instrumentos TFT. Os pilotos podem optar entre nove níveis de controle de amortecimento, variando de Comfort (mais suave) a Sport (mais firme) e quatro configurações de pré-carga.

Capacidade off-road da Tiger 900 supera a da Tiger 800.
Capacidade off-road da Tiger 900 supera a da Tiger 800.
Foto: Triumph / Divulgação

Todos os modelos Tiger 900 agora possuem freios Brembo Stylema. São pinças leves, compactas, de alto desempenho, com volume reduzido ao redor dos pistões e das pastilhas de freio, diminuindo o espaço interno ocupado pelo fluido de freio para permitir respostas de frenagem mais rápidas. O aumento do fluxo de ar ao redor das pastilhas também ajuda as pinças a esfriar mais rapidamente.

As viagens de longa distância também foram beneficiadas por várias inovações da nova Tiger 900. O tanque de combustível, por exemplo, agora tem capacidade para 20 litros. A moto ainda ganhou um novo pára-brisa ajustável, oferecendo proteção superior contra o vento com um simples ajuste com uma das mãos. A ergonomia foi aprimorada e otimizada para o conforto do piloto durante todo tipo de condução. A largura do assento é mais estreita e o guidão fica 1 cm mais próximo, oferecendo uma posição de pilotagem mais confortável e um nível maior de controle do piloto -- parado ou em movimento. 

Para aventuras mais radicais, a versão Rally Pro é a indicada.
Para aventuras mais radicais, a versão Rally Pro é a indicada.
Foto: Triumph / Divulgação

Além disso, cada modelo possui uma posição de pedaleira exclusiva, de acordo com o estilo esperado de pilotagem, e um mecanismo integrado de altura do assento, com duas posições, ajustável. Isso permite que o piloto altere a altura do assento em 2 cm para a sua configuração preferida. A nova linha Tiger 900 tem novos instrumentos TFT de 7”. O novo painel de instrumentos já vem de fábrica com o Sistema de Conectividade My Triumph, conectado por bluetooth, atender chamadas telefônicas, selecionar músicas no celular, navegar passo a passo pelo Google e ainda controlar a câmera GoPro.

O novo sistema de freios com ABS otimizado para curvas e o controle otimizado da tração nas curvas são ativados por meio de uma Unidade de Medição de Inércia (IMU), desenvolvida em conjunto com a empresa Continental. Isso permite a seleção automática do nível adequado de intervenção do controle de ABS e do controle de tração, medindo constantemente as taxas de balanço, inclinação, esterçamento e aceleração para calcular o ângulo de inclinação. Este sistema de tecnologia totalmente integrado garante maior estabilidade de pilotagem o tempo todo.

Vários equipamentos eletrônicos facilitam a pilotagem da Tiger 900 Rally Pro.
Vários equipamentos eletrônicos facilitam a pilotagem da Tiger 900 Rally Pro.
Foto: Triumph / Divulgação

São seis modos de pilotagem no modelo Rally Pro (“Rain”, “Road”, “Sport”, “Off-Road” “Configurável pelo Piloto” e “Off-Road Pro”). Os modos de pilotagem ajustam as configurações de resposta do acelerador, dos freios ABS e do controle de tração para proporcionar o máximo controle ao piloto em todas as condições de pilotagem. Um novo recurso, chamado “Antiparalisação”, nos modos “Off-Road” e “Off-Road Pro” aumenta automaticamente as rotações de marcha lenta para evitar paradas. O modo de pilotagem “Off-Road Pro”, exclusivo do modelo Rally Pro, é a configuração off-road mais extrema da Triumph para aventuras fora de estrada avançadas, com freios ABS e controle de tração desativados e um mapa de aceleração off-road. No modelo GT Pro, são cinco modos de pilotagem: “Rain”, “Road”, “Sport”, “Off-Road” e “Configurável pelo Piloto”.

Versão Rally Pro é uma referência em viagens off-road.
Versão Rally Pro é uma referência em viagens off-road.
Foto: Triumph / Divulgação

Além disso, a Tiger 900 traz nova iluminação inteira em LED, novo sistema de auxílio de troca de marcha, novo armazenamento seguro para celular com carregamento USB, interruptores iluminados com um joystick de cinco direções, controle eletrônico de velocidade de cruzeiro, manoplas aquecidas, assentos aquecidos (com controle de passageiro separado) e monitoramento de pressão dos pneus .

O inédito estilo agressivo, a carenagem reprojetada em menor escala, os acabamentos revisados e os contornos mais limpos conferem à nova Tiger 900 uma postura de aventura mais distinta e dominante. Isso é ajudado pela sua largura mais estreita, pela extremidade dianteira mais leve e pelo design e tamanho dominantes do tanque de combustível. 

Tiger 900 Rally Pro teve melhorias na posição de pilotagem.
Tiger 900 Rally Pro teve melhorias na posição de pilotagem.
Foto: Triumph / Divulgação

“Estamos muito animados com esse lançamento, que vinha sendo um dos mais aguardados dos últimos tempos, sobretudo no mercado nacional”, explica Renato Fabrini, gerente geral da Triumph. “O Brasil é o maior consumidor da Linha Tiger 800 no mundo, entre todas as nossas subsidiárias.” Além disso, vale lembrar, a Tiger 800 foi líder de vendas durante vários anos no Brasil. Até o final de 2020, a fabricante inglesa planeja comercializar 2.700 unidades dessa moto no país.

 

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade