0

Comparativo: Sportage ou Tucson? Qual SUV coreano comprar?

Está pensando num SUV médio tradicional? O Kia Sportage e o Hyundai Tucson têm quatro versões de R$ 118 mil a R$ 160 mil. Veja as diferenças

13 jan 2020
05h44
atualizado às 09h26
  • separator
  • 0
  • comentários

Quando se trata de SUV coreano, o primeiro carro que vem à mente é o Hyundai Creta. Porém, ele é do segmento compacto. Para famílias que buscam um SUV coreano maior, a opção é decidir entre dois tradicionais rivais, o Kia Sportage e o Hyundai Tucson. São dois carros com história, presentes há muitos anos no mercado brasileiro. Na verdade, eles são primos, pois compartilham a mesma plataforma da Hyundai-Kia. Há diferenças entre eles? Sim, há. Por isso, fizemos esse comparativo para você escolher o que mais se adapta às necessidades da sua família.

O Kia Sportage tem a versão mais acessível: R$ 117.990.
O Kia Sportage tem a versão mais acessível: R$ 117.990.
Foto: Kia Motors / Divulgação

Embora sejam concorrentes, o Sportage e o Tucson (que a Hyundai Caoa prefere chamar de New Tucson para diferenciar da primeira geração que foi fabricada no Brasil) disputam a mesma faixa de preço somente nas versões topo de linha. Portanto, podemos dizer que se você procura um SUV coreano médio de entrada, a única opção é o Kia Sportage LX (R$ 117.990). Para quem busca um carro intermediário, a opção é o Hyundai Tucson GLS (R$ 137.900) ou o Sportage EX básico (P.262), que custa R$ 141.990. Essa versão tem dois pacotes opcionais: P.264 (R$ 148.990) e P.265 (R$ 159.990). O Sportage EX P.264 acrescenta teto solar duplo panorâmico, sensor de estacionamento dianteiro e tela tátil de 8”. Já o EX P.265, completo, acrescenta ainda carregador de celular por indução, freio de estacionamento eletrônico, faróis com design exclusivo em LED, assistente de tráfego e detector de ponto cego. O Sportage EX completo (P.265) concorre diretamente com o Tucson Limited (R$ 156.900), sendo R$ 2.090 mais caro que o rival da Hyundai.

O New Tucson parte de R$ 137.900.
O New Tucson parte de R$ 137.900.
Foto: Hyundai / Divulgação

A faixa de preço do Sportage, portanto, depende dos equipamentos citados acima. Para este comparativo, vamos tomar como base do Sportage completo. Os SUVs coreanos também se equivalem na garantia (cinco anos), mas a grande diferença entre o Sportage e o Tucson está no motor. O do Sportage é um 2.0 flex aspirado de 156/167 cv (gasolina/etanol), enquanto o do New Tucson é 1.6 turbo a gasolina de 177 cv. Portanto, se o Sportage tem a vantagem do flex, o New Tucson tem a vantagem do turbo. Com gasolina, a diferença é de 21 cavalos a favor do Hyundai.

Potência bruta é importante, mas ela não significa muita coisa se o peso do carro não for compatível. Por isso, sempre é importante observar a relação peso/potência dos carros. No caso do Sportage (considerando o abastecimento com etanol), a relação peso/potência é de 9,4 kg/cv. A do Sportage é um pouquinho melhor (9,2 kg/cv), mas não interfere na nossa nota, pois estão na faixa de 45 pontos. Porém, quando analisamos o torque, a vantagem do New Tucson é grande (265 contra 202 Nm). A diferença de 63 Nm na força do carro e principalmente o turbocompressor permitem melhor aceleração do Hyundai. Ele vai de 0-100 km/h em 9,1 segundos, contra 11 segundos do Kia. Mesmo para carros de passeio, quase 2 segundos é bastante.

Pontos

Desempenho

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Peso/potência 45 45 45 45
Aceleração 0 2 2 0

A pequena vantagem nas relações peso/potência e peso/torque, combinada com a maior eficiência do motor turbo, permite ao Tucson 1.6 melhores médias de consumo do que as do Sportage 2.0. Ambos são nota C na classificação geral do Inmetro, mas na categoria (Utilitário Esportivo Grande) o Sportage é nota D e o New Tucson é nota B (isso com as rodas que utilizam atualmente). Na prática, com gasolina, o Sportage 2.0 faz 7,6 km/l na cidade e 10,7 na estrada; o New Tucson 1.6 faz 10,5 km/l na cidade e 12,2 estrada (considerando as melhores médias de ambos). Existe uma explicação técnica para isso: na atual geração, o Tucson passou a contar com o motor TGDI (turbo com injeção direta de combustível). É impressionante como as rodas de 18” influenciam no consumo do New Tucson, pois com as rodas de 17” (versão GLS) o consumo piora bastante, passando a ser de 9,9 km/l na cidade e de 11,7 na estrada. Já o Sportage teria consumo ligeiramente melhor se tivesse as versões 4x4 disponíveis no Brasil, mas nos dois carros a tração é 4x2 (dianteira) em todas as versões. E o fato de ser flex dá mais opções ao usuário.

Pontos

Consumo

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Inmetro Geral 30 25 25 30
Inmetro Cat. 20 35 35 20

Quanto à segurança, nenhum dos dois carros foi testado pelo Latin NCAP. Mas ambos conseguiram cinco estrelas no teste de impacto do Euro NCAP. Todas as quatro versões possuem o mesmo nível de segurança? Não. A versão de entrada do Sportage é a única das quatro que vem sem airbags laterais, airbags de cortina, controle de estabilidade e controle de tração. São itens que barateiam o Sportage EX e atende a um público menos exigente em itens de segurança, mas é importante ter isso em conta na hora de comprar o carro.

Pontos

Segurança

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Euro NCAP 100 100 100 100
Equipamentos 2 8 9 4

Os dois carros oferecem bons sistemas de conectividade, mas novamente a versão de entrada do Sportage oferece menos para conseguir ter um preço acessível. Em relação às outras três configurações, o Sportage EX era o único que vinha sem espelhamento do smartphone, mas agora tem. Por outro lado, o Sportage LX é o único que vem com navegador por GPS e carregador de celular por indução (mas também é o único que não tem CD player, todavia um item já em desuso pela maioria dos consumidores).

Pontos

Conectividade

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Multimídia 80 80 80 90

Na comparação de conforto, o Sportage de entrada é o único que não oferece ar-condicionado automático de duas zonas. Os dois carros são absolutamente iguais na distância entre-eixos (2,670 m, ou seja, menos do que exigimos para a pontuação máxima nesse quesito), mas o Sportage é 5 mm mais comprido e 5 mm mais largo, enquanto o New Tucson é 5 mm mais alto. O Sportage LX é o único que vem com freio de estacionamento elétrico, mas somente o Sportage EX não tem bancos de couro nem teto solar.

Nos itens que consideramos importantes para um SUV, o Sportage EX fica devendo assistente de partida em rampa, controle de estabilidade e sensor de estacionamento. O Sportage LX, por sua vez, tem a exclusividade do assistente de estacionamento dianteiro e alerta de tráfego cruzado traseiro. Já o New Tucson Limited está isolado na oferta de banco do motorista com ventilação e tampa do porta-malas robotizada. No final das contas, os equipamentos estão compatíveis com o preço de cada versão. Infelizmente, nenhuma versão tem borboleta para trocas de marchas manuais.

Pontos

Itens de Série

e Conforto

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Equipamentos 84 116 132 132
Rodagem 20 20 16 12
Entre-eixos 10 10 10 10

Para o GUIA DO CARRO, um SUV só é completo se possui tração 4x4 ou integral, vão livre de 200 mm, pneus de uso misto e porta-malas superior a 400 litros. A usabilidade se completa com largura máxima de 1,85 m. O vão livre do Sportage é maior (182 contra 172 mm), o que lhe dá um ínfima vantagem em alguns terrenos. Já o Tucson tem 10 litros a mais de porta-malas (513 contra 503 litros), mas ambos agradam nesse quesito. Os dois também têm boas medidas para estacionar.

Pontos

Usabilidade

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Capacidade SUV 50 40 40 50

Como vimos, a escolha entre esses quatro SUVs depende da exigência do consumidor em alguns pontos. Se a questão for segurança e uma certa sofisticação, o Sportage mais barato fica prejudicado. Entre os quatro, o New Tucson GLS (intermediário) parece ser o que tem a melhor relação custo-benefício. Na disputa dos dois topos de linha, o Sportage marca mais presença por causa das rodas maiores (19 polegadas) e oferece alguns itens de sofisticação ausentes no New Tucson. Por serem carros muito parecidos na construção, já que usam a mesma plataforma, a disputa entre o Sportage e o Tucson acaba sendo mais decisiva no powertrain. O Sportage tem motor 2.0 aspirado com câmbio automático de seis marchas. O New Tucson tem motor 1.6 turbo com câmbio automático de sete marchas. Nessa relação de aproveitamento de potência e eficiência, o SUV da Hyundai é um carro up-to-date, ou seja, de acordo com o que existe de mais atual no mercado. Além disso, ele é fabricado no Brasil, enquanto o Kia é importado. De qualquer forma, isso não faz muita diferença no mercado, pois hoje o Sportage vende mais do que o Tucson no Brasil (4.082 emplacamentos contra 3.579 no ano passado). O Sportage também tem a vantagem de ser um carro flex. Para decidir sua compra, você deve pesar todos esses itens. Veja abaixo as notas do GUIA DO CARRO, que reflete a nossa opinião sobre a qualidade das quatro versões no conjunto da obra.

COMPARATIVO GUIA DO CARRO / TERRA

Visão

Geral

SPO

LX

TUC

GLS

TUC

LIM

SPO

EX

Posição
Pontos 441 481 494 493
Preço/R$ 117.990 137.900 156.900 159.990

Custo por ponto/R$

267,55 286,69 317,61 324,52
Nota C B B B

Ficha técnica Kia Sportage

  • Motor: 2.0 aspirado flex
  • Potência: 167 cv a 6.200 rpm (e)
  • Torque: 202 Nm a 4.700 rpm (e)
  • Câmbio: 6 marchas AT
  • Comprimento: 4,480 m 
  • Largura: 1,855 m 
  • Altura: 1,655 m
  • Entre-eixos: 2,670 m
  • Vão livre: 182 mm
  • Peso: 1.570 kg
  • Pneus LX: 225/60 R17 
  • Pneus EX: 245/45 R19
  • Porta-malas: 503 litros
  • Tanque: 62 litros
  • 0-100 km/h: 11s0
  • Velocidade máxima: 175 km/h
  • Consumo cidade: 8,4 km/l (g)
  • Consumo estrada: 10,7 km/l (g)
  • Emissão de CO2: 147 g/km

Ficha técnica Hyundai New Tucson

  • Motor: 1.6 turbo gasolina
  • Potência: 177 cv a 5.500 rpm (g)
  • Torque: 265 Nm a 1.500 rpm (g)
  • Câmbio: 7 marchas ATD
  • Comprimento: 4,475 m 
  • Largura: 1,850 m 
  • Altura:  1,660 m
  • Entre-eixos: 2,670 m
  • Vão livre: 172 mm
  • Peso: 1.624 kg
  • Pneus GLS: 225/60 R17
  • Pneus Limited: 225/55 R18
  • Porta-malas: 513 litros
  • Tanque: 62 litros
  • 0-100 km/h: 9s1
  • Velocidade máxima: 201 km/h
  • Consumo cidade: 10,5 km/l (g)*
  • Consumo estrada: 12,2 km/l (g)*
  • Emissão de CO2: 120 g/km

*Com rodas aro 18.

 

 

Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade