PUBLICIDADE

Startup de comida saudável Liv Up recebe aporte de R$ 180 mi

Com os novos recursos, o plano da foodtech é acelerar a expansão de seu portfólio de categorias e investir em tecnologia para aumentar a eficiência da operação

17 jun 2021 11h52
ver comentários
Publicidade

A startup de comida saudável Liv Up anunciou nesta quinta-feira, 17, que recebeu um investimento de R$ 180 milhões. Com os novos recursos, o plano da foodtech é acelerar a expansão de seu portfólio de categorias e investir em tecnologia para aumentar a eficiência da operação - hoje, a Liv Up atua em cerca de 50 cidades pelo Brasil.

A rodada foi liderada pela Lofoten Capital, que já investiu em empresas como Loggi e Robinhood. Participaram também investidores como Rob Citrone (fundador da Discovery Capital), Milton Seligman e Ricardo Rolim (ex-executivos da Ambev), e Christian Egan (ex-Itaú) - fundos que já investiam na startup, como ThornTree Capital Partners e Kaszek, acompanharam o cheque.

Fundada em 2016, a Liv Up ficou conhecida por entregar refeições congeladas saudáveis por agendamento. Para oferecer os alimentos, a foodtech conta com uma rede de produção orgânica e familiar de aproximadamente 40 produtores parceiros.

Nos últimos meses, a startup tem acelerado a expansão de seu portfólio e passou a fazer também delivery de saladas e pizzas com produtos naturais e orgânicos. Além disso, a Liv Up recentemente incluiu em sua operação em São Paulo produtos de mercado como hortifruti, açougue, peixaria e laticínios.

"Estamos construindo um sistema alimentar mais inteligente, com portfólio completo para as diferentes necessidades do dia a dia, tornando a marca o destino certo para quem quer comer bem", disse em nota Victor Santos, fundador e presidente executivo da Liv Up. Com o novo aporte, o portfólio da startup deve continuar crescendo pelo País - o foco inicial será expandir a categoria de mercado para o Rio de Janeiro.

Outra parte dos recursos será usada para melhoria de tecnologia. A ideia é usar inteligência de dados para conhecer cada vez mais o consumidor e personalizar a experiência. A empresa também aposta na rastreabilidade da produção para gerir o estoque de forma inteligente, além de aperfeiçoar algoritmos de roteirização das entregas.

A Liv Up diz que faturou mais de R$ 100 milhões em 2020 e planeja dobrar o faturamento este ano.

Estadão
Publicidade
Publicidade