PUBLICIDADE

Facebook irá experimentar reduzir conteúdos políticos na rede social

Teste começa nesta semana no Brasil, Indonésia e Canadá com uma 'pequena porcentagem' de usuários

10 fev 2021 11h23
ver comentários
Publicidade

O Facebook anunciou na quarta-feira 9 que começará a experimentar reduzir a exposição de conteúdos políticos no feed de notícias dos usuários da rede social. O teste irá contemplar uma pequena porcentagem de usuários do Brasil, Indonésia e Canadá já nesta semana, informou a companhia, que também irá aplicar o experimento ao público americano nas próximas semanas. Conteúdos de contas governamentais, agências de saúde e outros órgãos oficiais regionais serão isentos do teste.

A rede social afirma que um "ponto comum" levantado pelos usuários é que eles não querem que temas políticos tomem conta do feed de notícias. Por isso, a medida tem como objetivo entender as preferências das pessoas e experimentar diferentes soluções alternativas, com a aplicação de um questionário à base de pessoas impactadas.

O Facebook frisa que a medida não irá excluir totalmente o conteúdo político da plataforma, que corresponde, em média, a 6% do que é exibido. "Nosso objetivo é preservar a habilidade das pessoas de procurar e interagir com conteúdo político no Facebook, enquanto respeitamos o apetite de cada um pelo que fica no topo do feed de notícias", escreveu Aastha Gupta, diretor de produto da companhia.

Ao longo de 2020, a rede social de Mark Zuckerberg sofreu pressão da sociedade por permitir que campanhas de desinformação e de notícias falsas tomassem conta do feed de notícias. A empresa respondeu banindo anúncios políticos às vésperas das eleições americana, que aconteceram em novembro.

Estadão
Publicidade
Publicidade