0

Computador infestado de vírus está à venda por mais de US$ 1 milhão

Equipamento é obra de arte feita para representar os danos causados por essas pragas no mundo real

27 mai 2019
18h10
  • separator
  • 0
  • comentários

Tem gente que paga para manter o antivírus atualizado. E tem gente que paga para levar para casa um PC infectado com as piores pragas da história da internet. O artista de internet Guo O Dong instalou num notebook de 2008 da Samsung seis dos piores malware da história e o colocou para leilão. A obra, batizada de "Persistência do Chaos", já recebeu oferta superior a US$ 1,2 milhão.

Computador infectado é colocado à leilão como se fosse obra de arte 
Computador infectado é colocado à leilão como se fosse obra de arte
Foto: DeepInstinct/Divulgação / Estadão

A ideia do Dong era reunir fisicamente pragas responsáveis por danos econômicos no mundo real - o artista estima perdas de US$ 95 bilhões causadas pelas pragas. "Temos essa fantasia de que coisas que acontecem nos computadores não podem nos causar mal de fato, mas isso é absurdo", disse ele ao site The Verge. Na lista de pragas selecionadas estão o ILOVEYOU, que era distribuído como uma carta de amor no final dos anos 1990, e o WannaCry, que afetou diversos países em 2017.

Completam a lista o MyDoom, o SoBig, o DarkTequila e o BlackEnergy. Ao fazer a compra, o interessado concorda com os termos de venda, que dizem que a obra será utilizada apenas para propósitos acadêmicos e não para a disseminação das pragas, o que é crime nos EUA. O Persistence of Chaos foi criado em parceria com a empresa de segurança DeepInstinct.

O leilão se encerra ainda nesta segunda, 27. É possível dar um lance no site da obra.

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade