PUBLICIDADE

Novo Mundo Empresarial apoia Núcleo de Inovação em PE

O projeto, desenvolvida na cidade de Cabo de Santo Agostinho (PE) promove o Setor Produtivo Regional; secretário Inaldo Campelo da Paz explica como funciona a iniciativa

23 abr 2024 - 16h03
Compartilhar
Exibir comentários

Na primeira semana de abril, a cidade de Cabo de Santo Agostinho (PE), município da região metropolitana de Recife, sediou um encontro que formalizou o nascimento do Núcleo de Inovação do Cabo de Santo Agostinho, projeto da Prefeitura que conta com o apoio do Novo Mundo Empresarial. O evento foi liderado por Inaldo Campelo, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo.

Foto: Novo Mundo Empresarial. / DINO

O encontro reuniu os principais nomes do setor produtivo regional e marcou o início de uma parceria colaborativa sem precedentes na Reserva do Paiva, primeiro bairro planejado da Região Metropolitana de Recife. O empreendimento compreende uma área total de 530 hectares, cercado de mata, rio e mar com recifes de corais.

Estiveram presentes representantes de diversas empresas e instituições, como: Petrobras, Abreu e Lima, Movecta, Porto de Suape e TransPetro, bem como a Associação do Paiva, representantes do IFPE (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Pernambuco), Grupo Cornélio Brennand, Banco do Nordeste, e Innova, administradora do Novo Mundo Empresarial.

A GETEC, gerência da Prefeitura municipal, juntamente com o secretário executivo de Ciências e Tecnologia do Estado de Pernambuco, reforçaram o suporte governamental à iniciativa.

"O núcleo foi estruturado em quatro pilares fundamentais, com as empresas, organizações, instituições, faculdades, escolas técnicas, Prefeitura e Governo Estadual", detalha o secretário Inaldo Campelo da Paz. "A iniciativa tem como objetivo fomentar um ecossistema de inovação robusto, que promova o crescimento econômico sustentável por meio da tecnologia e inovação", afirma. 

"Estamos diante de uma oportunidade única para transformar a Reserva do Paiva em um polo de inovação, onde a colaboração entre empresas, organizações, instituições de ensino e o governo trará desenvolvimento sustentável e benefícios duradouros para a comunidade," complementa.

Para o secretário, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) desempenha um papel crucial para a iniciativa, organizando todo o trabalho de construção do núcleo, com mais seis encontros programados até julho - momento em que o projeto estará concluído.

"Este plano de ação coletiva posicionará a Reserva do Paiva e o Cabo de Santo Agostinho como referências em inovação e empreendedorismo no cenário regional e nacional", afirma.

Recife possui o maior PIB (Produto Interno Bruto) per capita do Nordeste, de acordo com dados do relatório do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação. Em 2021, o PIB per capita da capital pernambucana foi de R$ 33.094,37. Em 2020, a cidade registrou R$ 29.935,42. Já em 2019, antes da pandemia de Covid-19, a metrópole alcançou R$ 32.494,86. 

"A Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho é uma entidade governamental dedicada ao desenvolvimento econômico, social e turístico da região, promovendo a qualidade de vida dos cidadãos e o crescimento sustentável através de iniciativas inovadoras", conclui da Paz.

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade