PUBLICIDADE

Mundo

Ucrânia atinge alvos na Rússia, importante refinaria fica seriamente danificada

12 mar 2024 - 08h10
Compartilhar
Exibir comentários

A Ucrânia atingiu alvos na Rússia nesta terça-feira com dezenas de drones e foguetes em um ataque abrangente que infligiu sérios danos a uma importante refinaria de petróleo e procurou perfurar as fronteiras terrestres da maior potência nuclear do mundo com representantes armados.

Tanto a Rússia quanto a Ucrânia têm usado drones para atacar infraestruturas vitais, instalações militares e concentrações de tropas em sua guerra de mais de dois anos, com Kiev atingindo refinarias e instalações de energia russas nos últimos meses.

A Rússia disse que representantes ucranianos tentaram cruzar a fronteira russa em pelo menos sete ataques que foram repelidos pelas forças russas. Os representantes ucranianos de língua russa disseram que haviam violado a fronteira, uma alegação negada pela Rússia.

Em um dos maiores ataques de drones ucranianos contra a Rússia até o momento, a Rússia afirmou ter derrubado 25 drones ucranianos sobre regiões russas, incluindo Moscou, Leningrado, Belgorod, Kursk, Bryansk, Tula e Oryol. Foram registrados muitos outros ataques de drones.

Autoridades russas relataram ataques a uma série de instalações de energia, incluindo um incêndio na refinaria NORSI da Lukoil e a destruição de um drone nos arredores da cidade de Kirishi, onde fica a segunda maior refinaria de petróleo da Rússia.

Gleb Nikitin, governador da região de Nizhny Novgorod, publicou uma foto de um caminhão de bombeiros ao lado da refinaria NORSI e disse que os serviços de emergência estavam trabalhando para apagar um incêndio no local.

"Uma instalação do complexo de combustível e energia foi atacada por veículos aéreos não tripulados", afirmou Nikitin no Telegram.

Fontes do setor disseram à Reuters, sob condição de anonimato, que a principal unidade de destilação de petróleo bruto (AVT-6) na NORSI foi danificada no ataque, o que significa que pelo menos metade da produção da refinaria foi interrompida. A Lukoil não quis comentar.

A NORSI refina cerca de 15,8 milhões de toneladas de petróleo bruto russo por ano, ou 5,8% do total de petróleo bruto refinado, de acordo com fontes do setor.

Ela também refina cerca de 4,9 milhões de toneladas de gasolina, 11% do total da Rússia, 6,4% do diesel, 5,6% do óleo combustível e 7,4% do combustível de aviação do país, de acordo com fontes do setor.

O ataque contra instalações petrolíferas russas é um problema para o presidente Vladimir Putin, que está em desacordo com o Ocidente em relação à Ucrânia, com os preços domésticos da gasolina sensíveis antes da eleição presidencial de 15 a 17 de março.

A Rússia impôs uma proibição de seis meses às exportações de gasolina em 1º de março.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade