PUBLICIDADE

Trump terá que depor em investigação de Nova York, determina tribunal

26 mai 2022 18h57
ver comentários
Publicidade

O ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump precisa depor sob juramento na investigação civil da Procuradoria-Geral de Nova York sobre suas práticas comerciais, decidiu um tribunal intermediário de apelações nesta quinta-feira.

Um painel de quatro juízes confirmou por unanimidade uma decisão do tribunal de fevereiro que intimou Trump e seus dois filhos mais velhos, Donald Trump Jr. e Ivanka Trump, para prestar depoimento na investigação da procuradora-geral Letitia James.

"Mais uma vez, os tribunais determinaram que Donald Trump precisa cumprir nossa investigação legal sobre suas transações financeiras", disse James em comunicado. "Continuaremos a acompanhar os fatos deste caso e garantir que ninguém possa burlar a lei."

Alan Futerfas, advogado de Trump, não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Em janeiro, James disse que sua investigação de quase três anos sobre a Organização Trump descobriu evidências significativas de possível fraude.

Ela descreveu o que chamou de declarações enganosas sobre os valores da marca Trump e seis propriedades, dizendo que a empresa pode ter inflado os valores dos imóveis para obter empréstimos bancários e os reduzido a impostos mais baixos.

Trump emitiu um comunicado mais cedo neste ano classificando as acusações de falsas e acusando James de cumprir uma agenda política ao atacar ele e sua família.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade