0

Principai rival de Macri nas eleições argentinas faz aliança com político de centro

12 jun 2019
20h45
atualizado às 21h12
  • separator
  • 1
  • comentários

A principal oposição ao presidente argentino, Mauricio Macri, nas eleições presidenciais marcadas para outubro firmou uma aliança nesta quarta-feira com Sérgio Massa, importante figura política de centro, segundo duas fontes a par do assunto.

Candidato à presidência da Argnetina, Alberto Fernandez. 20/5/2019. REUTERS/Stringer
Candidato à presidência da Argnetina, Alberto Fernandez. 20/5/2019. REUTERS/Stringer
Foto: Reuters

A medida, já esperada, pode ajudar o candidato presidencial Alberto Fernandez, ex-chefe de gabinete, e a candidata à vice-presidência Cristina Fernandez Kirchner, que esteve no poder entre 2007 e 2015, e aumentará o apelo da chapa aos eleitores de centro, principalmente na província de Buenos Aires, decisiva para a eleição. Os dois são adeptos da corrente de centro-esquerda do peronismo, um movimento de base ampla e que tem décadas de história na política argentina.

Cerca de 10% dos eleitores argentinos nas últimas pesquisas disseram que votariam em Massa nas eleições de 2019. Considerado relativamente moderado, Massa ficou em terceiro nas últimas eleições presidenciais em 2015. Ele tem fortes raízes políticas na província de Buenos Aires, que inclui a capital Buenos Aires.

A medida acontece um dia após o presidente de centro-direita Macri escolher um peronista moderado, Miguel Pichetto, como seu companheiro de chapa na disputa em um gesto para também apelar aos eleitores de centro.

As fontes requisitaram anonimato pois a informação ainda não havia sido anunciada oficialmente.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade