PUBLICIDADE

Mundo

Papa Francisco pede a um assessor para ler discurso devido à bronquite

2 mar 2024 - 12h28
Compartilhar
Exibir comentários

O Papa Francisco, que está sofrendo de gripe, disse que delegou a leitura de um discurso em uma cerimônia neste sábado a um assessor porque ele não está conseguindo devido à bronquite.

"Eu preparei um discurso, mas, como vocês podem ver, não estou conseguindo lê-lo por causa da bronquite. Pedi ao Monsenhor (Filippo) Ciampanelli que o lesse para mim", disse o papa, com a voz rouca.

O discurso foi para a cerimônia de abertura do ano judicial do tribunal do Vaticano.

Depois disso, o papa se encontrou com o chanceler alemão, Olaf Scholz, durante uma audiência no Vaticano.

Francisco, que tem 87 anos, teve uma série de problemas de saúde recentemente.

Na quarta-feira, ele fez uma breve viagem a um hospital romano para fazer um check-up depois de não ter lido sua audiência semanal, dizendo que estava "um pouco resfriado".

Ele cancelou compromissos na segunda-feira e no último sábado devido ao que o Vaticano disse ser uma gripe leve, mas ele fez seu discurso semanal regular para as multidões na Praça de São Pedro no domingo passado.

O papa foi forçado a cancelar uma viagem planejada para uma reunião climática da COP28 em Dubai no início de dezembro devido aos efeitos da gripe e da inflamação pulmonar.

Em janeiro, ele não conseguiu concluir um discurso devido a "um toque de bronquite". No final do mês, ele disse que estava melhor, apesar de "algumas dores".

Quando jovem, em seu país natal, a Argentina, Francisco teve parte de um pulmão removido.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade