1 evento ao vivo

Vietnã e EUA iniciam primeira limpeza conjunta do "agente laranja"

9 ago 2012
06h19
atualizado às 07h34

Vietnã e Estados Unidos iniciaram nesta quinta-feira o primeiro projeto conjunto para a limpeza e desintoxicação do "agente laranja", um potente herbicida espalhado pelo Exército americano durante os anos 60 no sul do país asiático.

Os arredores do aeroporto de Danang, uma das províncias mais castigadas por este tóxico, é a zona escolhida para a primeira missão de limpeza, qualificada de "histórica", que irá retirar 73 mil metros cúbicos de solo contaminado e sedimentos, indica em comunicado a embaixada do país americano no Vietnã.

Os restos tóxicos serão transportados a um forno de alta temperatura onde as toxinas vão ser destruídas. O projeto foi planejado com o máximo cuidado para evitar qualquer impacto nocivo na área, e sua conclusão está programada para 2016, segundo informa a nota.

O aeroporto de Danang foi o local utilizado pelo Exército americano para armazenar e manipular o agente laranja, composto por dois potentes herbicidas, durante a Guerra do Vietnã (1955-1975).

A empresa de consultoria canadense Hatfield analisou a zona litorânea da cidade de Danang, nas províncias centrais do Vietnã, onde a contaminação desta substância é 400 vezes superior aos níveis aceitáveis.

Mais de 80 milhões de litros deste agente contaminante foram vertidos pelas forças aéreas dos EUA entre 1961 e 1971 no sul do Vietnã com o objetivo de arrasar as colheitas e tirar a guerrilha comunista de seus esconderijos.

Segundo as estimativas da Cruz Vermelha do Vietnã, três milhões de pessoas foram afetadas por este agente venenoso, incluindo pelo menos 300 mil crianças nascidas com defeitos congênitos.

Cerca de cinco milhões de pessoas foram expostas ao agente laranja, que provocou a morte de mais de 400 mil pessoas, segundo o Ministério das Relações Exteriores do país asiático.

EFE   
publicidade