PUBLICIDADE

Papa critica machismo e pede mais espaço para a mulher

Francisco lamentou a "pouca" presença feminina em cerimônia nas Filipinas

18 jan 2015 02h20
| atualizado às 09h21
ver comentários
Publicidade
Papa Francisco abraça crianças em encontro na Universidade de São Tomás de Manila, nas Filipinas
Papa Francisco abraça crianças em encontro na Universidade de São Tomás de Manila, nas Filipinas
Foto: Romeo Ranoco / Reuters

O papa Francisco criticou neste domingo uma sociedade machista que não deixa espaço para a mulher, durante o encontro que teve na Universidade São Tomás de Manila, nas Filipinas, diante de dezenas de milhares de jovens.

Francisco lamentou a "pouca" presença de mulheres na cerimônia e assegurou que "as mulheres têm muito que nos dizer na sociedade de hoje".

"Às vezes somos muitos machistas e não deixamos lugar para a mulher, mas a mulher é capaz de ver as coisas com olhos diferentes dos dos homens", acrescentou.

Segundo o pontífice, "a mulher é capaz de fazer perguntas que os homens não conseguem entender".

Em particular, se referiu à pergunta que fez uma ex-menina de rua que lhe interrogou sobre o por que de crianças sofrerem.

"Ela hoje fez a única pergunta que não tem resposta e não vieram as palavras e teve que dizê-las com lágrimas", destacou.

"Quando vier o próximo papa às Filipinas que haja mais mulheres", pediu Francisco.

EFE   
Publicidade
Publicidade