PUBLICIDADE

Facebook suspende conta de Maduro por fake news sobre covid

Presidente vinha publicando dados sobre suposto remédio

28 mar 2021 11h41
| atualizado às 11h59
ver comentários
Publicidade

O Facebook suspendeu por 30 dias a página do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, por publicar informações falsas sobre a pandemia de covid-19. O bloqueio começou na conta neste sábado (27).

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em Caracas
24/01/2021 Palácio de Miraflores/Divulgação via REUTERS
Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em Caracas 24/01/2021 Palácio de Miraflores/Divulgação via REUTERS
Foto: Reuters

O mandatário vinha publicando com frequência informações sobre o remédio Carvativir, ao qual chama de "gotinhas milagrosas" para curar a doença. A droga não tem estudos publicados sobre a eficácia contra o coronavírus Sars-CoV-2.

Em entrevista à agência AFP, um porta-voz da rede social afirmou que o Facebook "segue as orientações da Organização Mundial da Saúde, segundo as quais não há nenhum medicamento atualmente que previna ou cure o vírus".

A suspensão impede que a página seja editada ou receba comentários, mas ainda está visível para os usuários em geral.

Conforme dados da Universidade Johns Hopkins, a Venezuela tem 155.663 casos confirmados da covid-19 e 1.555 mortes. No entanto, ONGs de direitos humanos questionam a veracidade dos dados repassados pelos órgãos de saúde do país e acusam o governo de Maduro de maquiar a realidade. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade