PUBLICIDADE

Jesse Koz temia por segurança e disse que já teve medo de morrer em acidente com fusca

Influenciador disse em entrevista sobre outro acidente que sofreu com o fusca e o fez temer por segurança; ele até reformou carro à época

26 mai 2022 19h50
| atualizado às 19h56
ver comentários
Publicidade
Jess e Shurastey
Jess e Shurastey
Foto: Reprodução/Instagram/@jessekoz

O influenciador brasileiro Jesse Koz, de 29 anos, conhecido por viajar o mundo com um Volkswagen Fusca 1978 com a companhia de seu cachorro, o golden retriever Shurastey, havia relatado em entrevista a Rafinha Bastos que já havia se preocupado com a segurança dele e do cão enquanto percorriam as estradas com o fusca, devido a um acidente que sofreu com o veículo na Costa Rica. 

Ele e o cachorro morreram na última segunda-feira (23) em um acidente de trânsito nas proximidades da cidade de Portland (EUA), perto da fronteira com o Canadá. A dupla percorria as Américas a bordo do Fusca branco com placas de Balneário Camboriú (SC) apelidado de Dudongo.

A notícia foi confirmada através das redes sociais do influenciador. De acordo com informações da imprensa local e de um casal de amigos que acompanhava a dupla viajante, o acidente aconteceu após o Fusca de Jesse não conseguir frear a tempo de desviar de um carro que parou na rodovia para fazer uma conversão à direita. Com isso, o Fusca perdeu o controle e colidiu com um Ford Escape que vinha na direção contrária. 

Durante entrevista dada a Rafinha Bastos, em Nova York, para o quadro 'Mais que 8 Minutos', o influencer relatou que um dos dias que sentiu mais medo durante suas viagens pelo mundo, foi quando sofreu um acidente de carro em Costa Rica, porque temeu que poderia ter morrido ali. A entrevista foi ao ar em 19 de maio deste ano no Youtube. 

Shurastey, Jesse e Dudongo em São Francisco (EUA)
Shurastey, Jesse e Dudongo em São Francisco (EUA)
Foto: Reprodução/@shurastey_/Instagram

Após Koz relatar um pouco de sua história pelo mundo e como sua trajetória começou, Rafinha perguntou para ele: "Qual foi o momento que te bateu muito medo?".

Ao ser questionado sobre isso, o influenciador respondeu: "Um momento muito tenso foi quando bati o fusca na Costa Rica. Esse me deu um medo de que a gente podia ter morrido. Porque estava chovendo há uns 4 dias direto onde a gente estava ficando. Era um lugar muito bonito, mas estava chovendo muito, então falei 'vou embora daqui'. Aí passei por umas estradas alagadas e quando estava chegando perto de sair dali, a barra de direção do fusca quebrou em uma curva e eu passei reto e bati na casa de um cara", contou.

Segundo ele relembrou durante participação no programa, inicialmente não percebeu que havia realmente quebrado a barra de direção naquele dia, já que ela sempre soltava e era só encaixar de novo. 

Dupla tinha como destino final o Alasca, nos EUA
Dupla tinha como destino final o Alasca, nos EUA
Foto: Reprodução/@shurastey_/Instagram

"Ali foi um momento que me deu medo, que olhando para trás me deu bastante medo, porque a gente podia ter morrido. Me fez refletir muita coisa, principalmente de segurança. Foi meio que dali que eu decidi fazer uma reforma do fusca no México, porque ele já estava caindo aos pedaços", disse na entrevista, acrescentando que o fusca ficou bastante danificado após o ocorrido. 

Koz realmente já reformou o veículo em uma oficina no México, e pagou por meio de uma rifa que fez entre seus seguidores. Em uma publicação em seu perfil, ele chegou a relatar o acidente que sofreu na Costa Rica (veja abaixo).

Ainda na entrevista, o aventureiro também contou diversos outros problemas mecânicos que o fusca já apresentou nos anos que viveu nas estradas e falou que, apesar dos desafios e dificuldades que já enfrentou, sempre amou viver a vida viajando com seu cachorro. 

 

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade