PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Guilherme Mazieiro

Geraldo Alckmin, presidente em exercício, vai à casa de João Doria, antigo aliado tucano

Reunião aconteceu neste domingo; À coluna, Doria considerou uma 'boa conversa' e disse que não volta à política

4 dez 2023 - 09h52
(atualizado às 10h03)
Compartilhar
Exibir comentários
João Doria se encontrou com o presidente em exercício, Geraldo Alckmin (PSB), nesta segunda, 4
João Doria se encontrou com o presidente em exercício, Geraldo Alckmin (PSB), nesta segunda, 4
Foto: Reprodução/X João Doria

Presidente em exercício, Geraldo Alckmin (PSB) se encontrou com um velho conhecido da política, o empresário e ex-governador João Doria. A visita aconteceu na noite deste domingo, 3, na casa de Doria, em São Paulo e não consta na agenda oficial de Alckmin. A reunião foi tornada pública por Doria, que postou uma foto dos dois juntos, relatando que o presidente chegou dirigindo seu carro particular. Nem mesmo assessores próximos do vice-presidente sabiam do encontro.

A coluna conversou rapidamente com Doria nesta segunda, 4, que evitou dar detalhes da visita. O ex-governador disse trataram sobre "o Brasil, economia e perspectivas", e que ele considerou uma "boa conversa". Doria a afirmou que a relação de ambos está mais constante e que por "várias vezes" têm se falado por telefone.

O estado de São Paulo, que foi um dos redutos mais fortes do PSDB e já foi governado pelos dois políticos, hoje está nas mãos do ex-ministro de Jair Bolsonaro (PL), Tarcísio de Freitas (Republicanos).

Doria surgiu na política apoiado por Alckmin em 2016, quando se elegeu prefeito de São Paulo. A relação dos dois teve idas e vindas e se deteriorou em 2022, culminando um rompimento. Naquele ano, ambos deixaram o partido. Alckmin se filiou ao PSB e se aliou a Lula. Doria, que não conseguiu se viabilizar candidato à Presidência, abandonou a política. Questionado pela coluna se voltaria à política, foi taxativo: não.

"Alckmin tem grandeza, capacidade e bom sentimento", escreveu Doria na rede X, antigo Twitter.

Fonte: Guilherme Mazieiro Guilherme Mazieiro é repórter e cobre política em Brasília (DF). Já trabalhou nas redações de O Estado de S. Paulo, EPTV/Globo Campinas, UOL e The Intercept Brasil. Formado em jornalismo na Puc-Campinas, com especialização em Gestão Pública e Governo na Unicamp. As opiniões do colunista não representam a visão do Terra. 
Compartilhar
Publicidade
Publicidade