0

Requião nega uso de unidades da PM do PR para manter cavalos

Inquérito policial aponta que candidato ao governo paranaense usou estrutura estadual para manutenção de 88 animais

8 ago 2014
08h45
atualizado às 08h47
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Candidato ao governo do Paraná, o senador Roberto Requião (PMDB) negou que tenha usado a estrutura da Polícia Militar entre 2003 e 2010, quando governou o Estado, para a manutenção de seus cavalos, segundo informações da Folha de S. Paulo. “Isso é uma bobagem, não existe, é uma palhaçada total”, disse Requião, ao sair de uma sabatina na quinta-feira.

<p>Candidato ao governo do Paraná, Roberto Requião negou ter usado instalações da PM para benefício próprio durante o período em que esteve no cargo de governador, entre 2003 e 2010</p>
Candidato ao governo do Paraná, Roberto Requião negou ter usado instalações da PM para benefício próprio durante o período em que esteve no cargo de governador, entre 2003 e 2010
Foto: José Cruz / Agência Senado

Reportagem publicada pelo jornal diz que um inquérito policial aponta que o senador utilizou estruturas do Estado para cuidar de seus 88 cavalos. O gasto com os animais pode ter superado o valor de R$ 8 milhões, segundo estimativa do jornal, considerando que o custo mensal de manutenção de cada cavalo fica entre R$ 1.000 e R$ 1.500.

Após a sabatina, Requião disse que os cavalos que utilizavam a estrutura da PM eram da própria corporação. O candidato ao governo paranaense também desqualificou a denúncia, que está sendo investigada pela polícia e pelo Ministério Público.

Veja também:

Em 'live' com alvos de ação do STF, Eduardo Bolsonaro cita 'momento de ruptura'
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade