0

Eleições 2020: Veja datas dos debates entre candidatos à Prefeitura de São Paulo

Emissoras desistiram dos encontros para apresentação de propostas em primeiro turno, mas mantiveram para o segundo turno; confira agenda atualizada

11 set 2020
22h07
atualizado em 30/10/2020 às 23h35
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Após estabelecer datas para a realização dos debates entre candidatos a prefeito de São Paulo nas eleições 2020, a maior parte das emissoras de televisão desistiu dos programas para o primeiro turno. Na contramão das demais, a TV Cultura confirmou embate para 12 de novembro após os cancelamentos.

Enquanto a CNN, RedeTV!, Record e SBT afirmaram que não sediarão os debates, a Globo impôs limitações no número de participantes que dificilmente serão aceitas pelos concorrentes à Prefeitura. A Band já havia realizado o evento do tipo, em 1 de outubro - veja aqui o que foi discutido.

Para as eleições 2020, as datas de votação foram adiadas. O primeiro turno será em 15 de novembro e, o segundo, caso aconteça, em 29 de novembro.

Os candidatos a prefeito de São Paulo são Andrea Matarazzo (PSD), Antonio Carlos (PCO), Arthur 'Mamãe Falei' do Val (Patriota), Bruno Covas (PSDB), Celso Russomanno (Republicanos), Guilherme Boulos (PSOL), Jilmar Tatto (PT), Joice Hasselmann (PSL), Levy Fidelix (PRTB), Márcio França (PSB), Marina Helou (Rede), Orlando Silva (PCdoB) e Vera Lúcia (PSTU).

Confira abaixo a agenda atualizada de debates dos candidatos à Prefeitura de SP até o segundo turno das eleições 2020:

Primeiro turno

12 de novembro - TV Cultura

No dia 14 de outubro, a TV pública informou que promoverá um debate em 12 de novembro, às 22h, transmitido do Auditório Simón Bolívar no Memorial da América Latina. Foram convidados os candidatos que estão em partidos que têm representação no Congresso Nacional.

RedeTV!, Record e SBT cancelaram os debates entre os concorrentes a prefeito de São Paulo no primeiro turno. As três emissoras apontaram razões similares, referentes à impossibilidade de manter protocolos sanitários adequados contra o novo coronavírus. Afirmaram não seria possível ter segurança com o alto número de candidatos e profissionais nos estúdios.

A Globo impôs condições que não devem ser aceitas pelas campanhas. A emissora decidiu que só fará debates no primeiro turno das eleições 2020 onde houver acordo entre os partidos para que apenas os quatro primeiros colocados na pesquisa eleitoral mais recente (Ibope ou DataFolha) participem dos eventos. Da televisão por assinatura, a CNN também desistiu de sediar um programa do tipo.

Segundo turno

16 de novembro - CNN

O programa começará às 21h.

19 de novembro - Band

Início às 22h30.

21 de novembro - SBT

Debate começa às 17h45.

22 de novembro - Record

Início às 22h.

23 de novembro - TV Cultura

A emissora fará um programa Roda Viva especial, em que os dois candidatos mais votados serão sabatinados individualmente, numa única edição.

24 de novembro - RedeTV!

Ocorrerá às 22h30, na sede da emissora em Osasco, em São Paulo.

Veja também:

Terremoto causa 'mini-tsunami' e destrói casas na Grécia e na Turquia
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade