PUBLICIDADE

Sentimento do investidor alemão melhora com redução da 3ª onda de Covid-19

11 mai 2021 08h56
ver comentários
Publicidade

O sentimento do investidor na Alemanha disparou em maio para seu nível mais alto desde o início da pandemia, graças à queda na terceira onda de Covid-19, mostrou uma pesquisa nesta terça-feira, indicando grande recuperação na maior economia da Europa nos próximos seis meses.

Rio Main, em Frankfurt, Alemanha, April 8, 2021.  REUTERS/Kai Pfaffenbach
Rio Main, em Frankfurt, Alemanha, April 8, 2021. REUTERS/Kai Pfaffenbach
Foto: Reuters

O instituto de pesquisa econômica ZEW disse que sua pesquisa sobre o sentimento econômico dos investidores subiu para 84,4 pontos, de 70,7 no mês anterior. A última vez que atingiu um nível mais alto foi em fevereiro de 2000. Pesquisa da Reuters previa um aumento para 72,0.

"A desaceleração da terceira onda de Covid-19 deixou os especialistas do mercado financeiro ainda mais otimistas", disse o presidente do ZEW, Achim Wambach, em comunicado. "Os especialistas esperam uma recuperação econômica significativa nos próximos seis meses."

O subíndice das condições atuais subiu para -40,1 pontos, de -48,8 no mês anterior. Isso comparado com uma previsão de -41,3 pontos.

Apesar da leitura otimista do sentimento dos investidores, muitas empresas - em particular as do setor varejista - ainda estão sofrendo.

Mais da metade dos varejistas de vestuário alemães dizem que correm o risco de fechar as portas sem mais ajuda estatal neste ano, mostrou uma pesquisa, enquanto dados oficiais também divulgados nesta terça-feira mostraram um recuo nas pressões de falência, ainda que apenas temporário.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade