PUBLICIDADE

Brasil tem 1,4 mil novos casos de covid-19 e 49 mortes

Com isso, o país acumula 22,2 milhões de casos confirmados e 617,8 mil vítimas fatais da doença

19 dez 2021 - 19h00
(atualizado às 20h16)
Ver comentários
Brasil tem mais de 617 mil mortos em decorrência da covid-19
Brasil tem mais de 617 mil mortos em decorrência da covid-19
Foto: Tatyana Makeyeva

O Ministério da Saúde divulgou que o Brasil teve mais 1.419 casos de covid-19, com 49 mortos, segundo dados compilados até o final da tarde deste domingo.    

Com isso, o país acumula 22,2 milhões de casos confirmados e 617,8 mil vítimas fatais da doença.O número de recuperados é de 21,5 milhões e o de pacientes em acompanhamento é de 113,6 mil.

O ministério informou ainda que há 2,7 mil mortos por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) sob investigação.   

Consórcio de Imprensa 
 

O Brasil registrou 54 novas mortes pela covid-19 neste domingo, 19. A média semanal de vítimas, que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, ficou em 128, abaixo de 200 pelo 16º dia consecutivo, mas influenciada pelo ataque hacker aos sistemas do Ministério da Saúde.

Com a instabilidade nas plataformas do governo federal, cinco Estados e o Distrito Federal não divulgaram os dados relativos às últimas 24 horas de pandemia no Brasil.

O número de novas infecções notificadas foi de 1.313, enquanto a média móvel de testes positivos nos últimos sete dias é de 3.397. No total, o Brasil tem 617.838 mortos e 22.211.128 casos da doença. Os dados diários do Brasil são do consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, g1, O Globo, Extra, Folha e UOL em parceria com 27 secretarias estaduais de Saúde, em balanço divulgado às 20h. Segundo os números do governo, 21.470.339 pessoas se recuperaram do coronavírus desde o início da pandemia, com dados até a última sexta-feira.

Com informações do Estadão Conteúdo. 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade