1 evento ao vivo

Black Friday 2020: celulares e eletrônicos são os mais pesquisados com antecedência, aponta o Google

Levantamento mostra que essas duas categorias de produtos e itens de moda têm o maior volume de vendas antecipadas este ano, considerando as lojas que oferecem descontos desde o início do mês

17 nov 2020
13h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Levantamento do Google revelou que celulares e eletrônicos são as categorias com maior antecipação de pesquisa e intenção de compras para a semana da Black Friday 2020.

A pesquisa também mostra os itens mais comprados antecipadamente, considerando que muitas lojas fazem promoções durante todo o mês. Nesse quesito, smartphones e gadgets aparecem na segunda e na terceira posição, respectivamente, encabeçados pela categoria moda. "Tradicionalmente, celulares e eletrônicos são categorias de alta intenção de compras para a Black Friday", diz o líder de insights para varejo do Google Brasil, Rodrigo Chamorro.

A pesquisa foi realizada com 850 brasileiros conectados de 6 a 8 de novembro e revela uma alta expectativa para a Black Friday, segundo Chamorro.

"Um estudo encomendado pelo Google e realizado pela Provokers mostra que 6 entre cada 10 consumidores declararam que irão aguardar a Black Friday para comprar um produto que pretendem adquirir nos próximos 6 meses", diz o especialista, que também frisa o planejamento do brasileiro: 62% pesquisam o que vão comprar com um mês ou mais de antecedência. Para ele, "a Black Friday de 2020 será sobre fazer bons negócios".

Categorias com maior antecipação de pesquisa e de espera para a virada da Black Friday 2020, segundo o Google

  • Eletrônicos - 37% e 34%
  • Celulares - 34% e 35%
  • Moda - 28% e 24%
  • Eletro e portáteis - 25% e 27%
  • Móveis e decoração - 21% e 20%
  • Alimentos e bebidas - 12% e 16%

Efeitos da pandemia

Para Chamorro, o comportamento "cauteloso" do consumidor tem relação com a pandemia de covid-19, que trouxe mudanças de comportamento e desencadeou uma nova relação com o digital, deixando o consumidor "mais consciente de suas prioridades e mais planejado".

Ele também aponta que a diminuição da renda e o aumento da incerteza sobre o futuro são fatores que possivelmente desencadearam a antecipação de pesquisa e de espera para a virada da Black Friday 2020.

Antecipação de compra

Por outro lado, a pesquisa do Google também traz dados de consumidores que anteciparam as suas compras para a Black Friday deste ano. "A data se estendeu para a quinta-feira, a semana, o mês e o pós-Black Friday, se consolidando como uma temporada de compras", aponta Chamorro, que destaca as promoções antecipadas dos varejistas para evitar aglomeração no dia do evento, que este ano é em 27 de novembro.

Categorias com maior antecipação de compras , aproveitando as promoções dos varejistas para a Black Friday 2020, segundo o Google

  • Moda - 26%
  • Celulares - 23%
  • Eletrônicos - 20%
  • Eletro e portáteis - 19%
  • Móveis e decoração - 14%
  • Alimentos e bebidas - 13%

Veja também:

Nova alta de infecções faz hospitais privados abrirem mais leitos covid e reduzirem cirurgias
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade