PUBLICIDADE

Cintas modeladoras: afinal, pode ou não pode?

Descubra 10 mitos e verdades sobre as famosas cintas modeladoras.

27 mar 2017 - 13h03
Compartilhar
Exibir comentários

A democratização do acessório de beleza tem facilitado a conquista da cinturinha perfeita por milhares de mulheres ao redor do mundo. Anônimas e famosas têm sido adeptas da polêmica cinta modeladora!

Foto: DINO

Mas toda boa notícia traz também inúmeras dúvidas e até boatos, por isso, é necessário esclarecer os mitos e as verdades sobre o uso das cintas e assim será possível usá-las de maneira segura e confortável.

Porém sempre como um complemento de uma dieta equilibrada e treino adequado em busca da tão desejada cinturinha modelada.

Confira os mitos e verdades sobre as polêmicas cintas modeladoras:

As cintas ajudam a modelar a cintura

Verdade! O uso diário, de 4 a 8 horas, ajuda a modelar a cintura dando o efeito "violão" às curvas.

As cintas prejudicam a coluna.

Mito! Mas caso a pessoa já possua problemas na coluna, é importante pedir orientação e autorização médica para fazer uso da peça.

É recomendada para fazer exercícios físicos.

Verdade! Principalmente exercícios aeróbicos. A cinta modelo o corpo por compressão e deixa a região mais alongada.

Ajuda na redução de medidas.

Verdade! A cinta aliada à dieta e treinos pode ajudar na redução medidas pois modela a cintura.

O uso por várias horas seguidas acelera o resultado.

Mito! O uso diário é de 4 a 8 horas, passando disso pode ser prejudicial à circulação.

Pode ser usada em casos pós-cirúrgicos.

Mito! Ela não é aconselhada no pós-operatório, somente no pós-operatório tardio, o que equivale a três meses de cirurgia.

Pode ser usada em casos de diástase.

Verdade! Mas sempre com autorização médica e após 2 ou 3 meses de gestação.

Ajudam a manter os seios de pé.

Mito! A cinta auxilia na postura e com isso os seios ficam com a aparência de empinados. Mas isso não quer dizer que o efeito permanecerá após retirar a cinta.

É importante ressaltar que é necessário respeitar o tempo de uso das cintas modeladoras. É imprescindível que faça exercícios físicos para fortalecer a área abdominal.

Agora com as dúvidas esclarecidas é possível usar as cintas modeladoras com segurança.

Sobre a Biobela Malhas Compressivas

A Biobela malhas compressivas iniciou os trabalhos em 2011. É uma empresa que atua na área de fabricação de cintas e modeladoras com matéria-prima de alta qualidade, testadas e aprovadas em laboratórios e com supervisão de profissionais altamente capacitados, com um rigoroso controle de qualidade, para assegurar a durabilidade e resultados.

www.biobelacintas.com.br

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade