Política

Rosa Weber diz que 8 de janeiro será sempre o ‘dia da infâmia’

8 jan 2024 - 17h33
Compartilhar

Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) na época dos atos golpistas de 8 de janeiro, a ministra falou no evento que marca um ano dos ataques. "Uma investida autoritária, espúria, obscurantista e ultrajante, insuflada pelo ódio e pela ignorância contra as instituições democráticas", afirmou. Ela também lembrou sobre os sentimentos que teve o chegar ao STF após a destruição. "Essa data há de se constituir sempre o dia da infâmia, mas a outra face é a resistência da democracia, que restou inabalada”, disse a ministra.

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Seu Terra












Publicidade