PUBLICIDADE

Política

USP estima 185 mil pessoas em ato de Bolsonaro; governo de SP fala em 600 mil

Apoiadores do ex-presidente se reuniram na Avenida Paulista na tarde deste domingo, 25, em São Paulo

25 fev 2024 - 22h49
(atualizado às 23h03)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Estima-se que 185 mil pessoas participaram da manifestação convocada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro na Avenida Paulista. A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo estima que foi 600 mil pessoas no local e 750 mil ao todo, incluindo aquelas que estavam nas proximidades.
Ato pró-Bolsonaro reuniu apoiadores do ex-presidente na Avenida Paulista neste domingo, 25
Ato pró-Bolsonaro reuniu apoiadores do ex-presidente na Avenida Paulista neste domingo, 25
Foto: Tiago Queiroz/Estadão / Estadão

A manifestação convocada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) neste domingo (25) na Avenida Paulista reuniu 185 mil pessoas, segundo estimativa do Monitor do Debate Político no Meio Digital, projeto de pesquisa da Universidade de São Paulo (USP).

A quantidade de presentes foi estimada por volta das 15h (horário de Brasília), onde de acordo com o levantamento, foi o momento de maior concentração do ato. . 

Por outro lado, Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo fala em 600 mil pessoas presentes no local. Além disso, afirma que 750 mil estiveram ao todo, contando também pessoas que estavam nas proximidades, sem necessariamente na manifestação. 

Os pesquisadores da USP realizam a projeção com base em imagens aérea. Nesses estudos, o número final é calculado do momento maior concentração de manifestantes, conforme explicou um dos coordenadores do projeto, Pablo Ortellado.

Ato de Bolsonaro tem realidade virtual, desmaio e 'vinho do mito' Ato de Bolsonaro tem realidade virtual, desmaio e 'vinho do mito'

Ao todo, 43 fotos entre 15h e 17h foram tiradas do alto, sendo 11 delas preparadas e sem sobreposição: “Cada uma das fotos foi repartida em oito pedaços. Em cada parte, foi aplicada uma implementação do método Point to Point Network (P2PNet)1 que identifica cabeças e estima a quantidade de pessoas em uma imagem”, explicaram os pesquisadores em entrevista ao jornal O Globo.

O método tem precisão de 72,9% e acurácia de 69,5% na identificação de cada pessoa. O erro percentual médio é de 12% para mais ou para menos nas imagens aéreas com mais de 500 pessoas.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade