1 evento ao vivo

‘Eu estou no jogo’, diz Lula sobre eleição presidencial

25 set 2013
07h46
atualizado às 07h47
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que está à disposição da presidente Dilma Rousseff para apoiá-la nas eleições de 2014. "Estou voltando, com muita vontade, com muita disposição - para felicidade de alguns, para desgraça de outros. É o seguinte: eu estou no jogo", disse o ex-presidente, no Instituto Lula, em São Paulo.  De acordo com o petista, ele terá “o papel que a Dilma quiser que seja”. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

"Eu me considero razoável de palanque, gosto, me sinto bem, agradeço a Deus todos os dias a relação de confiança que construí com o povo brasileiro. E tudo o que eu puder fazer para convencer as pessoas que confiam em mim a votar na Dilma, eu vou fazer", disse Lula, que teve papel fundamental na eleição da presidente Dilma em 2010. "Ela vai ser julgada pelo que está fazendo, não é mais uma desconhecida como era em 2010, mas farei o mesmo esforço para reelegê-la, pois a vitória da Dilma é a minha vitória e a derrota dela é a minha. O sucesso dela é o sucesso do povo brasileiro, das camadas mais pobres da população", completou.

Durante a entrevista desta terça, Lula destacou a importância da manutenção da parceria entre PT e PSB e falou ainda sobre os protestos populares que ditaram parte da agenda política em 2013. Para ele, a pauta mais importante a ser votada seria a reforma política. “Uma reforma para valer não vai acontecer agora, vai ter de ser feita por meio de uma Constituinte Exclusiva, com ampla participação da sociedade", argumentou.

Veja também:

Em meio à pressão por impeachment de Bolsonaro, Aras insinua 'estado de defesa'
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade