PUBLICIDADE

SP: pai de menino desaparecido protesta em frente a delegacia

8 nov 2013 22h51
| atualizado em 11/11/2013 às 08h08
ver comentários
Publicidade
Arthur Paes, pai de Joaquim, se emociona ao falar do caso enquanto amigos e populares pregam cartazes em frente à Delegacia de Investigações Gerais (DIG), em Ribeirão Preto
Arthur Paes, pai de Joaquim, se emociona ao falar do caso enquanto amigos e populares pregam cartazes em frente à Delegacia de Investigações Gerais (DIG), em Ribeirão Preto
Foto: Alfredo Risk / Futura Press

O pai do menino Joaquim Ponte Marques, 3 anos, Arthur Paes, participou nesta sexta-feira de um protesto em frente à Delegacia de Investigacoes Gerais (DIG) de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Ele reclama da demora no esclarecimento do desaparecimento do menino, que não é visto desde terça-feira. As informações são da agência Futura Press.

No protesto, populares distribuem panfletos com a fotos de Joaquim, que é diabético e vivia com a mãe, o padrasto e o irmão Vitor Hugo, de apenas alguns meses. No boletim do desaparecimento, a mãe, Natália Mingoni Ponte, 29 anos, relatou que acordou por volta das 7h e foi até o quarto da criança, mas não a encontrou. Em seguida, procurou pelos demais cômodos e na vizinhança, também sem sucesso. O garoto vestia uma calça de pijama com bichinhos quando foi visto pela última vez. 

A Justiça já negou o pedido de prisão temporária de Natália e do padrasto, Guilherme Raymo Longo, 28 anos. Ele prestou novo depoimento na tarde desta sexta-feira na DIG.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade