0

Chuvas deixam regiões de São Paulo em estado de atenção

Mesmo após período de maior instabilidade, áreas de potencial deslizamento de terra permanecem em alerta

16 fev 2019
09h55
atualizado às 11h20
  • separator
  • comentários

A chuva que cai desde a noite dessa sexta-feira sobre a cidade de São Paulo e região metropolitana fez o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura decretar estado de atenção para alagamentos às 7h48 deste sábado, 16, em todas as regiões da cidade, além das marginais Tietê e Pinheiros. O alerta foi mantido até as 9h, após a passagem do período de maior instabilidade.

Foto: Pablo Washington/Photopress / Estadão

A cidade ainda tem pontos de chuvisco e o solo molhado ainda pode trazer riscos no trânsito e em pontos de potencial deslizamento de terra. Segundo o Corpo de Bombeiros, 55 ocorrências foram registradas na região metropolitana entre as 0h e as 10h deste sábado em consequência das chuvas, sendo 48 acionamentos por queda de árvores, cinco por desabamentos e dois por enchente.

Na região central, a queda de uma árvore interditou temporariamente o cruzamento entre a Alameda Santos e a Av. Brigadeiro Luís Antônio. A via já foi desobstruída. Por conta de um raio, a Linha 10-Turquesa da CPTM opera com velocidade reduzida na manhã deste sábado. Mais cedo, a Linha 15-Prata passou pelo mesmo problema, mas a situação já foi normalizada.

O aeroporto de Congonhas também foi afetado pelas chuvas. Durante alguns minutos desta manhã, a pista principal teve de fechar para pousos e decolagens. Até as 11h deste sábado, alguns voos seguiam atrasados.

Neste domingo, 17, a previsão é de melhora no tempo e o sol deve aparecer entre muitas nuvens, porém ainda há condições para chuva. Os termômetros devem variar entre mínimas de 16°C e máximas de 24°C.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade