PUBLICIDADE

Polícia Civil desarticula Rede de Extorsão Sexual na Grande Porto Alegre

Polícia Civil cumpre 20 mandados e apreende armas e drogas em ação contra golpe dos nudes

10 jul 2024 - 14h26
(atualizado às 18h53)
Compartilhar
Exibir comentários

Em uma ofensiva contra crimes de extorsão sexual, a Polícia Civil deflagrou nesta quarta-feira (10) a Operação Decipi na capital e região metropolitana. A ação, coordenada pela 1ª Delegacia de Polícia de Cachoeirinha, cumpriu 20 mandados de busca e apreensão em cidades como Cachoeirinha, Porto Alegre, Canoas, Viamão e Alvorada, resultando na apreensão de uma pistola calibre .380 e 1,5 kg de maconha.

Foto: Divulgação/Polícia Civil / Porto Alegre 24 horas

As investigações iniciaram após a apreensão de celulares na Penitenciária Estadual de Porto Alegre, onde se descobriu que os apenados usavam a foto de um delegado em perfis falsos para aplicar golpes. Através dessa investigação, verificou-se a participação de vários indivíduos que se organizavam para praticar a extorsão, com alguns usando imagens de mulheres e outros manipulando contas bancárias para o recebimento de dinheiro.

De acordo com o Delegado André Lobo Anicet, o grupo criminoso contava com integrantes dentro e fora do sistema penitenciário, que recebiam os valores extorquidos e repassavam entre si. A operação, denominada Decipi (latim para enganado), teve como objetivo desmantelar essa rede de criminosos e garantir a coleta de provas adicionais.

A operação contou com o apoio da Brigada Militar e envolveu mais de 100 policiais de diversas delegacias regionais. As investigações continuam para identificar todos os envolvidos e desarticular completamente a organização criminosa.

Com a informação Polícia Civil.

Porto Alegre 24 horas
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade