PUBLICIDADE

Jovem de 20 anos é baleada e morta no Complexo da Maré; polícia trata caso como feminicídio

Débora Adelino da Conceição foi atacada na saída de um baile funk na manhã de domingo. A irmã da vítima também foi atingida e está internada. Inquérito investiga se autor do crime foi morto por traficantes locais

6 set 2021 14h03
ver comentários
Publicidade

RIO - Uma mulher de 20 anos foi morta e uma adolescente de 16 anos foi baleada no complexo de favelas da Maré, zona norte do Rio, num caso que é investigado como feminicídio, segundo a Polícia Civil. A Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) investiga o caso. Suspeito de ter atirado contra as duas, Patrick Jorge de Assis, de 19 anos, foi morto, em circunstâncias também investigadas.

Segundo a TV Globo, as vítimas são irmãs e foram baleadas na saída de um baile funk, na manhã de domingo. Débora Adelino da Conceição, de 20 anos, morreu. A irmã mais nova está internada em estado grave de saúde.

Ainda conforme informações da TV Globo, Assis seria namorado de Débora. O suspeito teria sido morto por traficantes locais, após atirar contra as duas irmãs.

"Testemunhas estão sendo ouvidas e diligências seguem em busca de informações que ajudem a esclarecer o caso", informou a assessoria de imprensa da Polícia Civil do Rio.

Estadão
Publicidade
Publicidade