1 evento ao vivo

Chuva forte causa alagamentos em São Paulo; zonas sul e oeste são mais afetadas

Fenômeno chegou a deixar a cidade em estado de atenção. Maiores índices de chuva foram registrados na Lapa, Campo Limpo e Butantã

21 fev 2019
19h04
atualizado às 20h46
  • separator
  • comentários

SÃO PAULO - As zonas sul e oeste foram as mais afetadas pela forte chuva que caiu sobre a capital no fim da tarde e início da noite desta quinta-feira, 21. Toda a cidade ficou em estado de atenção para alagamentos, segundo nível em uma escala de três do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). Às 20h17, o órgão informou o fim do estado de atenção e acrescentou que a instabilidade começou a perder força.

De acordo com o CGE, a situação foi formada por uma área de baixa pressão em altitude. "Imagens do radar meteorológico mostram chuva forte na zona oeste, nos bairros da Lapa, Jaguaré, Butantã, Vila Sônia e Rio Pequeno. Na zona sul também chove forte, principalmente nos bairros de Cidade Dutra e Grajaú", detalhou o órgão. Os maiores índices de chuva na capital nesta quinta foram registrados na Lapa (68 mm), Campo Limpo (66,2), Butantã (62,2), Parelheiros (58,8) e Pinheiros (56,4).

O Corpo de Bombeiros informou que, na Grande São Paulo houve 15 chamados para atuação em enchentes, oito para socorro em desabamento/escorregamento de terra (sem vítima) e 43 para quedas de árvore. As fortes chuvas que atingem a região deixaram, no sábado, 16, quatro crianças mortas em dois desabamentos de casas em Mauá. Nesta quarta, a cidade de Franca, no interior, foi tomada por enxurradas.

MM_AG_PT_ASSET_971996

A previsão do tempo para esta sexta-feira, 22, mostra a cidade com sol entre nuvens e temperaturas em elevação. "Os termômetros variam entre mínimas de 20ºC e máximas de 30ºC. No final da tarde retornam as condições para chuvas na forma de pancadas."

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade