PUBLICIDADE

Bolsonaro diz a TV americana que EUA podem virar país isolado se esquerda vencer no Brasil

Para o chefe do Executivo, os EUA perderiam com uma América do Sul 'toda vermelha'

29 jun 2022 - 22h34
Ver comentários
Publicidade

Brasília - O presidente Jair Bolsonaro afirmou em entrevista à emissora de televisão americana Fox News, considerada um veículo conservador, que os Estados Unidos podem se tornar um país isolado no mundo se a esquerda vencer as eleições presidenciais em outubro. O líder das pesquisas de intenção de voto na disputa pelo Palácio do Planalto é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pré-candidato de uma coalizão de esquerda.

Para o chefe do Executivo, os EUA perderiam com uma América do Sul 'toda vermelha' Foto: Wilton Junior/Estadão

Na avaliação do presidente, os EUA perderiam com uma América do Sul "toda vermelha". "Se a esquerda voltar ao poder, na minha visão, nunca mais vai sair e esse país vai seguir o mesmo caminho de Venezuela, Argentina, Chile e Colômbia", declarou o presidente à emissora americana. "Toda a América do Sul vai se tornar vermelha, entendeu? E na minha visão, os Estados Unidos podem se tornar um país isolado no mundo", acrescentou, na entrevista traduzida para o inglês.

Bolsonaro ainda relatou parte de sua trajetória política aos americanos e lembrou que era um deputado do chamado "baixo clero" do Congresso. "A mídia nunca me deu visibilidade, pelo contrário, me atacou", reclamou o presidente, que citou o versículo bíblico repetido na campanha de 2018 "Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará".

A Fox News exibiu um curto trecho da entrevista, gravada hoje pela manhã no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República. A íntegra deve ir ao ar amanhã às 21h de Brasília.

Estadão
Publicidade
Publicidade