1 evento ao vivo

Antônio Fernando Ribeiro Pereira traz inteligência artificial para a saúde pública

-

18 jun 2020
12h03
atualizado às 12h33
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

 

                                                      

Foto: Antônio Fernando Ribeiro Pereira e o software
Foto: Antônio Fernando Ribeiro Pereira e o software
Foto: JayPRO

                                                       

A empresa Log Lab desenvolveu uma ferramenta para melhorar gestão dos recursos do setor.

De acordo com Antônio Fernando Ribeiro Pereira, CEO da Log Lab, a implantação de um sistema digital para a gestão inteligente de dados na rede pública de saúde em Cuiabá proporcionou mais economia de recursos, reduziu o desperdício de medicamentos e melhorou o serviço de regulação das vagas de leitos. Com o software "Gestor Saúde" as informações foram centralizadas em um único ambiente unificado para facilitar a administração dos processos do setor.

O sistema foi desenvolvido pela LogLab, empresa que analisa estrategicamente os dados fornecidos por uma rede de software, também criada pela empresa, e está reinventando soluções para que os dados sejam analisados e organizados por meio de inteligência artificial.

"O Gestor Saúde, um software responsável pela gestão de recursos humanos, materiais e físicos da área, foi criado para organizar toda gama de dados referentes à administração da saúde pública. Dessa forma, a visão da gestão pública pode se voltar para os pontos de maior impacto no atendimento, fornecendo indicadores para melhorar as estratégias de planejamento e ação", explica Antônio Fernando Ribeiro Pereira, CEO da LogLab.

De acordo com Emanuel Pinheiro (MDB), prefeito de Cuiabá, a saúde municipal está em processo de modernização em toda sua rede estrutura, física, humana e também digital.

"Acreditamos que o melhoramento dos serviços aos cidadãos engloba todos setores e os investimentos precisam ser feitos tanto nas estruturas como na gestão destes serviços. O Gestor Saúde traz não somente agilidade, mas também economia de recursos e consequentemente um atendimento mais eficiente aos usuários da saúde pública", explica Pinheiro.

O software permite aos gestores a tomada de decisões de forma mais ágil

A solução veio após terem identificado no setor da saúde pública a necessidade de um sistema voltado justamente para gestão dos recursos materiais e humanos. Aliado à inteligência de dados, o software permite aos gestores a tomada de decisões de forma mais ágil, para entregar ao cidadão serviços de melhor qualidade e em menos tempo.

Com a utilização do software, tem sido evitado o desperdício de medicamentos, por exemplo, e está sendo feita a gestão de leitos e disponibilidade de vagas, garantindo mais transparência nos atendimentos e melhorando a organização da distribuição de recursos humanos. Além disso, o sistema possui uma espécie de prontuário eletrônico e ainda informações sobre as filas de demanda e a distribuição de medicamentos.

Este serviço está sendo aplicado em Cuiabá-MT e atende a rede básica de saúde (USF), o atendimento secundário (UPAs e Policlínicas) e a rede hospitalar (HMC e Prontos Socorros).

Veja também:

'Passei a odiar meus pais': o relato de um homem submetido a tratamento de 'cura gay'
JayPRO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa JayPRO e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade