PUBLICIDADE

Tomjlanovic critica imprensa por ignorar campanha histórica em Wimbledon

Após campanha histórica, imprensa australiana focou na relação da tenista com o ex-namorado

6 jul 2022 - 21h05
Ver comentários
Publicidade

A australiana Ajla Tomjlanovic, 44ª da WTA, acabou derrotada de virada nas quartas de final de Wimbledon pela cazaque Elena Rybakina, 23ª, mas frustrou-se muito com o tratamento recebido pela imprensa, em especial do seu país, após uma campanha histórica.

AELTC
AELTC
Foto: Lance!

Disputando as quartas de final de um torneio do Grand Slam pela primeira vez na carreira, Tomjlanovic fez um desabafo nas redes sociais logo após a coletiva de imprensa que concedeu em Londres.

Nela, a primeira pergunta feita a número 1 da Austrália, não era nem sobre a derrota apertada para Rybakina e nem sobre sua campanha, o foco do jornalista australiano estava em ouví-la a respeito de Nick Kyrgios, ex-namorado da tenista, que enfrenta na justiça australiana uma acusação de violência doméstica por parte de uma outra ex-namorada, Chiara Passari.

"Muito decepcionante que, depois de quase 2 horas jogando minhas quartas de final, essa foi a primeira pergunta que o jornalista escolheu para me fazer, e nunca procedeu a perguntar nada relacionado ao jogo. Fico feliz em ver manchetes principalmente sobre isso agora. Façam melhor", escreveu a tenista ao compartilhar a notícia feita pelo jornal australiano Herald Sun totalmente focada na resposta sobre o tema.

Na própria coletiva de imprensa a australiana tentou com educação desviar do tema: "Eu não estou ciente sobre o que foi dito sobre sua relação anterior ou as acusações. Não sei nada disso".

Então o jornalista explicou que Kyrgios está sendo acusado de 'suposta' agressão a uma ex-namorada na justiça de Camberra e então a tenista afirmou: "Faz um tempo que nossa relação acabou. Obviamente, eu sempre mantive minha relação privada. Gostaria de manter assim. Eu esou totalmente contra violência doméstica e espero que isso se resolva", iniciou.

"Mas, quero dizer que eu não vivi esse tipo de coisa com ele", finalizou.

Vale ressaltar que apesar de não tornarem público o rompimento, Tomjlanovic e Kyrgios não estão juntos há 4 anos. Neste tempo, o tenista teve um namoro com a também tenista Anna Kalysnkaya, da Rússia, e rompeu cerca de 5 meses depois do início justamente para namorar Chiara Passari, que já o havia acusado de violência doméstica e psicológica em 2021 - caso investigado e arquivado pela polícia australiana. Tomjlanovic seguiu seu caminho e namora há quase 3 anos o italiano Matteo Berrettini.

Lance!
Publicidade
Publicidade