PUBLICIDADE

Djokovic bate Berdych e mantém Sérvia viva na final da Davis

17 nov 2013 14h20
| atualizado às 14h28
ver comentários
Publicidade
Número dois do mundo mantém sérvios com chance de título
Número dois do mundo mantém sérvios com chance de título
Foto: AP

Novak Djokovic confirmou o favoritismo e venceu seu segundo duelo na final do Grupo Mundial da Copa Davis, entre Sérvia e República Checa, neste domingo. Depois de passar por Radek Stepanek, o número 2 do mundo bateu Tomas Berdych por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 7/6 (7-5) e 6/2.

Com a nova vitória, Djokovic igualou o placar da final em 2 a 2 e levou a decisão para o quinto e último jogo, que será realizado ainda neste domingo entre o sérvio Dusan Lajovic, 117º do mundo, e o checo Radek Stepanek, número 44 no ranking.

Djokovic bate Nadal e vence ATP Finals:

Amplo favorito para o confronto, Djokovic entrou em quadra com um retrospecto de 14 vitórias e apenas duas derrotas contra Berdych. O jogo deste domingo começou equilibrado e Berdych teve que segurar seis break-points ao longo do quarto e do oitavo game para não ficar em desvantagem. O tenista ainda salvou mais quatro chances de quebra do adversário no décimo ponto, mas não conseguiu resistir à pressão e acabou perdendo o primeiro set.

O número de erros diminuiu na volta da partida, o que deixou a segunda parcial com poucas oportunidades. Com cada tenista sacando bem, o set só foi decidido no tie-break, que também foi equilibrado até o final.

Disposto a fechar o jogo o mais rápido possível, Djokovic voltou à quadra impondo um ritmo mais forte e conseguiu uma quebra logo no primeiro game. Sem ser ameaçado, o número 2 do mundo ampliou a vantagem no sétimo game e sacramentou a vitória com um ace no fim.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade