0

Animado com retomada, Marcelo Melo planeja rotina de treinos nas próximas semanas

'Estávamos sem expectativa de quando voltaria. Agora temos um objetivo', diz o tenista brasileiro

18 jun 2020
12h18
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A ATP (Associação dos Tenistas Profissionais) anunciou nesta quarta-feira o calendário para a retomada das competições. Após três meses de expectativa pela volta dos torneios após a paralisação por causa da pandemia do novo coronavírus, o retorno será no dia 14 de agosto com a disputa do ATP 500 de Washington, nos Estados Unidos. O brasileiro Marcelo Melo recebeu com alegria a confirmação de uma data para poder retornar às quadras. A partir de agora, está planejando essa nova etapa na rotina, com treinamentos e viagens.

No calendário divulgado para a retomada, serão três torneios nos Estados Unidos - ATP 500 de Washington, Masters 1000 de Cincinnati e o US Open, Grand Slam em Nova York confirmado para o final de agosto. Depois, três disputas no saibro europeu com os Masters 1000 de Madri e Roma e Roland Garros, que foi adiado de junho para setembro.

"Realmente muito legal essa notícia, muito boa, do circuito estar voltando. Podermos jogar em Washington e depois seguir com a sequência até chegar na Europa. Estávamos sem expectativa de quando voltaria. Agora temos um objetivo. É acertar os detalhes de treino, de viagem e começar a organizar o circuito. Tenho certeza que os fãs também ficaram muito felizes de poder acompanhar novamente", afirmou Marcelo Melo, que faz parceria nas duplas com o polonês Lukasz Kubot.

Marcelo Melo está em sua cidade, Belo Horizonte, treinando com o técnico Daniel Melo, seu irmão, com o preparador físico Chris Bastos e o fisioterapeuta Daniel Azevedo. Antes, logo após a pausa no circuito profissional, passou 11 semanas nos Estados Unidos com treinamentos primeiro em Indian Wells, na Califórnia, e depois no Saddlebrook Tennis Resort, na Flórida, seguindo um planejamento de manter a forma, até a definição do retorno do circuito, agora confirmado para agosto.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade