PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Santos abre 2 a 0, mas Red Bull Bragantino reage e confronto termina empatado na Vila Belmiro

Léo Baptistão fez os dois gols do Peixe no empate por 2 a 2 com o time de Bragança Paulista, pelo Campeonato Brasileiro

18 jun 2022 23h21
| atualizado às 23h57
ver comentários
Publicidade

O Santos fez um bom primeiro tempo, abriu 2 a 0, mas caiu de rendimento, permitiu a reação do Red Bull Bragantino e apenas empatou por 2 a 2 com a equipe de Bragança Paulista na noite deste sábado, na Vila Belmiro, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Léo Baptistão fez os dois gols do Peixe e Hyoran e Luan Cândido marcaram para o Red Bull Bragantino.

Leo Baptistão fez os dois gols do Santos (FOTO: Anderson Lira / O Fotográfico / Lancepress!
Leo Baptistão fez os dois gols do Santos (FOTO: Anderson Lira / O Fotográfico / Lancepress!
Foto: Lance!

Com o resultado, o Santos sobe para a quinta colocação, com 18 pontos. O Peixe agora terá dois jogos fora de casa contra o Corinthians, em Itaquera. O primeiro será na quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, e o segundo no sábado, pelo Brasileirão.

O jogo

No primeiro tempo, o Santos contou com João Paulo atrás e a dupla Léo Baptistão e Marcos Leonardo na frente para mandar no jogo. Com seis minutos, o camisa 9 recebeu cruzamento de Lucas Pires e tocou de ombro para o gol, mas o goleiro Cleiton fez boa defesa.

O Red Bull Bragantino teve duas chances seguidas. Aos oito minutos, Hyoran arriscou de fora da área e João Paulo mandou para escanteio. Na cobrança ensaiada, a bola bateu em Jan Hurtado, acertou a trave e voltou nos braços do goleiro do Peixe.

A dupla Marcos Leonardo e Léo Baptistão apareceu aos 12 minutos. Após tabela entre eles, a bola sobrou para o meia Bruno Oliveira bater de primeira, mas Cleiton defendeu.

O Peixe abriu o placar aos 16 minutos. Rodrigo Fernández deu lindo lançamento para Lucas Braga, que cruzou rasteiro. A defesa afastou nos pés de Léo Baptistão, que dominou e soltou a bomba para vencer o goleiro Cleiton.

O Red Bull Bragantino tentou o empate, mas parou outra vez no goleiro João Paulo. Aos 26 minutos, após cruzamento da direita, Jan Hurtado apareceu livre no segundo pau e cabeceou para o gol, mas João Paulo fez um milagre e evitou o gol do time de Bragança Paulista.

Quem não faz, toma. Aos 36 minutos, Bruno Oliveira deu bom lançamento para Marcos Leonardo, que tirou do goleiro Cleiton com o peito e deixou Léo Baptistão livre para empurrar a bola para a rede e fazer o segundo do Peixe.

Nos acréscimos da primeira etapa, o Red Bull Bragantino diminuiu. Após jogada pela direita, Aderlan recebeu na área e cruzou, Lucas Pires desviou e Hyoran pegou de primeira para, dessa vez, vencer om goleiro João Paulo.

BRAGANTINO MANDA NA SEGUNDA ETAPA

O segundo tempo começou com domínio do Red Bull Bragantino. Já o Santos, especialmente após a entrada de Ângelo, ameaçava nos contra-ataques.

Sem conseguir entrar na área, o Red Bull Bragantino chegou ao empate em chute de longa distância. Aos 25 minutos, Luan Cândido acertou uma bomba de fora da área no canto esquerdo do goleiro João Paulo.

O Bragantino controlou as ações dai em diante e poderia ter vencido o confronto, não fosse a ineficiência nas definições.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 2 RED BULL BRAGANTINO

Data e hora: 18 de junho de 2022, às 21h00 (horário de Brasília)

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)

Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (SP)

Árbitro de vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Gols: Léo Baptistão, 16'/1ºT (1-0) e 36'/1ºT (2-0), Hyoran, 45'/1ºT (2-1) e Luan Cândido, 25'/2ºT (2-2)

Cartões amarelos: Vinícius Zanocelo, João Paulo e Bruno Oliveira (SAN); Raul, Praxedes e Helinho (BRA)

SANTOS: João Paulo; Lucas Braga, Kaiky, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Zanocelo (Camacho, aos 23'/2ºT) e Bruno Oliveira (Ângelo, aos 12'/2ºT); Léo Baptistão (Rwan Seco, aos 12'/2ºT), Jhojan Julio (Sandry, aos 12'/2ºT) e Marcos Leonardo. Técnico: Fabián Bustos

BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Kevin, Natan e Luan Cândido; Raul (Eric Ramirez, aos 45'/2ºT), Lucas Evangelista e Hyoran (Praxedes, aos 28'/2ºT); Artur (Carlos Eduardo, aos 45'/2ºT), Helinho (Sorriso, aos 21'/2ºT) e Jan Hurtado (Alejandro, aos 21'/2ºT). Técnico: Maurício Barbieri

Lance!
Publicidade
Publicidade