PUBLICIDADE

Há algo de podre no reino corintiano dos infectados

Com onze atletas afastados por causa do coronavírus, Timão promete identificar brechas nos protocolos de saúde dentro do CT

5 mar 2021 18h03
| atualizado em 6/3/2021 às 08h13
ver comentários
Publicidade

O Corinthians já vacinou mais de 5 mil pessoas na sua Arena. É um golaço do clube que desde o início da vacinação abriu as portas do seu estádio. Por outro lado, o Timão não tem feito a lição de casa no seu Centro de Treinamento.

O Corinthians sofre com desfalques por causa do coronavírus
O Corinthians sofre com desfalques por causa do coronavírus
Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians / Site do Corinthians

Os novos casos de coronavírus assustaram, porque isso já havia ocorrido em junho do ano passado. O Timão disse hoje que preza pela saúde em primeiro lugar e reconheceu esses problemas. Por isso, pretende identificar as brechas de protocolo, que provocaram o novo surto, para voltar à normalidade sanitária. Além disso, cancelou treinos das categorias de base por dez dias e também vai colocar mais funcionários para trabalhar em casa.

Curiosamente, o documentário Acesso Total, do Sportv, havia mostrado parte desses problemas, principalmente no segundo episódio. Na reunião para definir o futuro do elenco, por exemplo, ficaram todos amontoados em uma sala pequena, sem respeitar o distanciamento social. Ninguém também usou máscara durante a reunião.

O Corinthians tem se mostrado preocupado com a pandemia, mas precisa também dar exemplos para o torcedor. Não pega bem os dirigentes não usarem máscaras. Que o clube volte a cuidar melhor dos seus atletas e funcionários como prometeu a partir de agora.

 

Paradinha Esportiva Paradinha Esportiva
Publicidade
Publicidade