5 eventos ao vivo

Khabib derrota Gaethje e anuncia aposentadoria por morte do pai, vítima da covid

Lutador russo demonstrou grande emoção após a vitória e anunciou que deixará o MMA ainda dentro do octógono

24 out 2020
19h09
atualizado às 19h16
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Khabib Nurmagomedov teve que entrar pela primeira vez no octógono sem o pai no córner para enfrentar Justin Gaethje no UFC 254. E também será a última. O russo derrotou o norte-americano e, logo na sequência, anunciou que irá se aposentar, pois acredita que não conseguirá prosseguir no esporte sem a presença daquele que foi seu treinador ao longo de toda a carreira.

O pai de Khabib, Abdulmanap, faleceu em 3 de julho deste ano, vítima do coronavírus. Anteriormente, o lutador de MMA já havia dado mostras de como seria difícil continuar sem o homem que havia sido seu herói.

"Obrigado aos caras que estão comigo. Esta é a minha última luta. Não tem como voltar aqui sem o meu pai. Quando o UFC me chamou para lutar com Justin, eu conversei com a minha mãe por três dias. Eu prometi que será minha última luta. Se eu dou minha palavra, eu tenho que cumprir", declarou o russo.

A luta começou com Gaethje conseguindo se manter no centro do octógono com muitas fintas e guarda baixa. Ele desferiu o primeiro ataque com chute baixo, seguido de cruzados. Com cerca de dois minutos de luta, Khabib passou a buscar as pernas do desafiante, que evitou as quedas. O russo surpreendeu com uma joelhada na cabeça e aumentou o volume de golpes para forçar o americano para trás. Gaethje recebeu muitos golpes no rosto, mas encaixou outros no rosto do adversário. Faltando 40 segundos para o fim do round, o russo conseguiu colocar para baixo, ele foi para a montada e quase encaixou uma chave de braço, mas o cronômetro zerou.

KHABIB WINS BY A TRIANGLE CHOKE AND IS IMMEDIATELY OVERCOME WITH EMOTIONS. @espnmma

Uma publicação compartilhada por SportsCenter (@sportscenter) em

Gaethje voltou para o segundo round com um bom chute baixo. Ao tentar de novo o golpe, viu Khabib marcar o tempo e aplicar a queda logo no início do assalto. No chão, voltou a mostrar qualidade técnica no quesito, encaixou o triângulo e ajustou a posição até o americano dar os três tapinhas e encerrar a luta.

Logo após o embate ser encerrado, Khabib demonstrou grande emoção por ter vencido sem a presença do pai no local. O russo encerra a carreira com um cartel perfeito, de 29 vitórias em 29 lutas profissionais, e o cinturão dos pesos leves do UFC (até 70,3 kg).

Confira os resultados de todas as lutas do UFC 254.

CARD PRINCIPAL:

Khabib Nurmagomedov venceu Justin Gaethje por finalização com 1m34s do R2

Robert Whittaker venceu Jared Cannonier por decisão unânime (triplo 29-28)

Alexander Volkov venceu Walt Harris por nocaute técnico com 1m15s do R2

Phil Hawes venceu Jacob Malkoun por nocaute aos 18s do R1

Lauren Murphy venceu Liliya Shakirova por finalização aos 3m31s do R2

Magomed Ankalaev venceu Ion Cutelaba por nocaute técnico aos 4m19s do R1

CARD PRELIMINAR:

Tai Tuivasa venceu Stefan Struve por nocaute aos 4m59s do R1

Casey Kenney venceu Nathaniel Wood por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27)

Shavkat Rakhmonov venceu Alex Cowboy por finalização aos 4m40s do R1

Sam Alvey e Da Un Jung empataram por decisão dividida (28-29, 29-28 e 28-28)

Miranda Maverick venceu Liana Jojua por nocaute técnico aos 5m do R1

Joel Alvarez venceu Alexander Yakovlev por finalização aos 3m do R1

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade