PUBLICIDADE

Formador de atletas no Reino Unido recebe faixa-preta de Jiu-Jitsu das mãos de professor brasileiro

Darren Jones recebeu a graduação das mãos do brasileiro Leonardo Queiroz. Os dois possuem uma relação de amizade além dos tatame

24 set 2021 18h06
ver comentários
Publicidade

Com a vida dedicada às artes marciais, Darren Jones conquistou recentemente um dos seus principais sonhos no Jiu-Jitsu: a faixa-preta. O britânico recebeu a graduação das mãos do brasileiro Leonardo Queiroz. Os dois possuem uma relação de amizade além dos tatames.

Léo Queiroz e o aluno Darren, o mais novo faixa-preta de Jiu-Jitsu (Foto: Arquivo Pessoal)
Léo Queiroz e o aluno Darren, o mais novo faixa-preta de Jiu-Jitsu (Foto: Arquivo Pessoal)
Foto: Lance!

Darren começou nas artes marciais no começo da década de 1980, quando iniciou no Caratê e Judô. Depois, foi para o Boxe e, em seguida, passou a treinar Kickboxing - onde começou a levar mais afundo o esporte, chegou a crescer na modalidade e a até quis ser profissional.

- Eu estava competindo desde quando comecei na modalidade, e ganhei muitas lutas e títulos aqui na Inglaterra. Recebi a minha faixa-preta em 1994 e meu segundo grau em 1996 - contou Darren, que passou a treinar também MMA, mas veio um momento ruim em sua vida:

- Em 2006, enquanto pilotava minha motocicleta, um carro me atropelou e parou em cima de mim. Esmaguei minha perna e minha canela direita neste acidente. Isso encerrou minha carreira competitiva de MMA e Kickboxing, antes mesmo de começar. Disseram-me que não seria capaz de andar direito novamente, não seria capaz nem de treinar mais, pois a ruptura do ligamento cruzado anterior e do medial colateral na outra perna tornaria isso impossível -.

Sem poder se tornar profissional de MMA ou Kickboxing, que era seu sonho, Darren não abandonou a luta e, em 2009, começou a revelar lutadores para alguns eventos de MMA. Em 2011, começou a relação com Leonardo Queiroz. O inglês procurava um professor de Jiu-Jitsu para reforçar o seu time de MMA e melhorar o chão dos atletas, quando viu o anúncio no Facebook do brasileiro. Léo, que procurava emprego na Inglaterra, aceitou o convite de imediato.

Léo comentou sobre a relação com o seu mais novo faixa-preta: - O Darren me deu a primeira oportunidade (de trabalho na Inglaterra). Eu estava sem dar aulas, coloquei um anúncio no Facebook e estava procurando alguma academia, para ter o meu próprio espaço. Estava sem emprego. Ele me mandou uma mensagem, falando que tinha aberto uma academia há pouco tempo com o sócio e me convidou para dar aula. Ele me deu essa oportunidade, é um cara muito importante pra mim. Uma coisa que eu tenho é gratidão, eu nunca dou as costas para quem me ajudou. Ele sempre me ajudou em tudo o que eu precisei aqui. Já pensei em desistir de dar aula, ele e a minha esposa que nunca deixaram eu parar - disse o brasileiro.

Lance!
Publicidade
Publicidade