0
Logo do Seleção Brasileira
Foto: terra

Seleção Brasileira

Tite: 'Atleta do nível e da qualidade de Neymar, eu não vou prescindir como técnico'

Técnico da Seleção Brasileira fez na manhã desta sexta-feira a primeira convocação após o título da Copa América, incluindo o jogador que pode sair do PSG, da França

16 ago 2019
11h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Neymar está de volta para a Seleção Brasileira. Depois de ter sido cortado da Copa América deste ano, o atacante foi chamado por Tite na manhã desta sexta-feira, na primeira convocação após o título do torneio internacional, de olho nos próximos dois jogos. Em entrevista coletiva na sede da CBF, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, o treinador garantiu que não vai prescindir de Neymar por seu nível e qualidade.

Tite ao lado de Neymar (Foto: Divulgação)
Tite ao lado de Neymar (Foto: Divulgação)
Foto: Lance!

- Conversei com o Neymar, levamos três aspectos: qual era o momento dele, como ele estava... Ele disse que estava feliz, trabalhando há um tempo. Não faz trabalho tático, pois é uma preparação da equipe. Perguntei emocionalmente sobre toda a situação. Disse: "Estou tranquilo, sei que há o encaminhamento e agora aguardo o PSG na definição". E o terceiro aspecto era a ideia dele jogar antes, um tempo hábil para jogar. E um atleta do nível e da qualidade de Neymar, eu não vou prescindir como técnico - afirmou o treinador.Tite foi questionado ainda durante a entrevista coletiva se conversou com Neymar sobre a indefinição de seu futuro no PSG, da França, onde vem treinando em separado - a imprensa da Europa afirma que o Real Madrid, da Espanha, é o clube mais próximo de contratá-lo. O técnico da Seleção Brasileira comentou destacando que não compete a ele fazer sugestões diante deste parâmetro, lembrando que a autonomia tem de ser do próprio Neymar:

- Usei há tempos "imprescindível" e não "insubstituível". Só o Pelé está fora de parâmetro normal. Falei sobre o lado técnico, tático, o lado humano, desde que haja essa abertura e condição. E desde que esteja aqui. Não me sinto à vontade eticamente de sugerir, existem pessoas e ele tem a autonomia de decidir seu caminho. Existem clubes, responsabilidades, e cada um tem sua autonomia. Eu tomo minhas decisões e respondo por elas. Torço para que ele tenha luz pelo melhor caminho. E fico torcendo na medida. Mas não tenho direito de dizer "vai para cá, vai para lá". Ele tem gente, estafe, e tem ele como palavra final. Não compete a mim.

A apresentação dos jogadores convocados para a Seleção Brasileira será no dia 2 de setembro. Com o comando do técnico Tite, os selecionados irão disputar os amistosos nos EUA contra a Colômbia e o Peru, nos dias 6 e 10 de setembro, respectivamente, nos Estados Unidos.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade