3 eventos ao vivo

Técnico do River concorda que não há condições para a final

De acordo com o portal "TyC Sports", Marcelo Gallardo admitiu que condições dos jogadores do Boca Juniors não é suficiente para a bola rolar

24 nov 2018
18h39
atualizado às 18h44
  • separator
  • comentários

Ainda existe uma dúvida sobre o início da partida entre River Plate e Boca Juniors, válida pela final da Libertadores, no Monumental de Nuñez, já que o ônibus da equipe millonaria foi atacado e muitos jogadores estão passando mal por terem inalado os efeitos do gás de pimenta antes de desembarcarem no estádio.

(Foto: Divulgação/River Plate)
(Foto: Divulgação/River Plate)
Foto: LANCE!

Marcelo Gallardo, treinador do River Plate, afirmou, de acordo com o portal "TyC Sports", que a condição dos jogadores do Boca Juniors não permite que haja uma partida, já que a maioria dos atletas presentes no Monumental estão passando mal, além da questão psicológica.

O treinador entendeu a situação e disse aos dirigentes do River Plate e da Conmebol que "está de acordo" que a segunda e decisiva partida da final da Taça Libertadores seja adiada.

Veja também:

 

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade