PUBLICIDADE

Rebaixado! Paraná é derrotado pelo Oeste e vai jogar a Série C

Tricolor cansou de perder gols ao longo dos 90 minutos e foi castigado na reta final do confronto

26 jan 2021 21h14
ver comentários
Publicidade

O Paraná está rebaixado para a Série C do futebol brasileiro. Na Arena Barueri, o Tricolor foi derrotado pelo Oeste por 1 a 0 e não tem mais chances de escapar da zona de rebaixamento. O time paranaense está na 18ª colocação, com 37 pontos, cinco a menos que o Vitória, primeiro fora do Z4. O Rubrão é o lanterna, com 29 pontos.

Divulgação/Oeste
Divulgação/Oeste
Foto: Lance!

Calendário

Na rodada final, o Oeste fecha a temporada diante do Sampaio Corrêa, fora de casa. O Paraná recebe o Cruzeiro, na Vila Capanema.

Pressão e falta de tranquilidade

Foram 45 minutos de pressão do Paraná. Com a necessidade de buscar a vitória, o Tricolor ocupou o campo ofensivo e tentou de todas as maneiras furar a retranca do Rubrão. Não faltaram tentativas de fora da área, cabeçadas e chutes cara a cara com o goleiro. O problema foi a falta de pontaria e a competência do goleiro Glauco, que segurou o ímpeto do adversário.

Desespero Tricolor

A etapa final teve abafa do Tricolor do começo ao fim. Ofensivo, o Paraná empurrava o Oeste para o campo de defesa e rondava a grande área. O defeito era o mesmo de sempre. A finalização não saía do jeito que todos esperavam as chances desperdiçadas se acumulavam.

Pá de cal

Nos minutos finais, o Oeste se lançou ao ataque e teve uma bola parada frontal. Na cobrança ensaiada, Raí Ramos cobrou, a bola desviou na barreira e matou Renan.

OESTE 1 X 0 PARANÁ

Local: Arena Barueri, Barueri (SP)

Data-Hora: 26/1/2021 - 19h15

Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Auxiliares: Diogo Carvalho Silva (RJ) e Daniel do Espirito Santo Parro(RJ)

Público/renda: pagantes/R$

Cartões amarelos: Pedrinho, Maurício Barbosa (OES), Salazar, Jean (PAR)

Cartões vermelhos: -

Gols: Raí Ramos (44'/2ºT)

OESTE: Glauco; Raí Ramos, Maurício Barbosa, Vitão e Douglão (Luanderson, aos 25/2ºT); Índio (De Paula, aos 15/2ºT), Bruno Miguel e Diogo; Léo Ceará (Tite, aos 15/2ºT), Bruno Alves (Kalil, ao 0/2ºT) e Pedrinho (Wellinton, aos 36/2ºT). Técnico: Roberto Cavalo.

PARANÁ: Renan; Kaio, Salazar, Hurtado e Jean; Kazu (Gabriel Pires, aos 20/2ºT), Karl e Higor Meritão; Thiago Alves (Andrew, aos 14/2ºT), Bruno Lopes (Mikael, aos 43/2ºT) e Paulo Henrique (Juninho, aos 42/2ºT). Técnico: Márcio Coelho.

Lance!
Publicidade
Publicidade