6 eventos ao vivo

'Foi só uma pancada', avaliou Nonato sobre contusão de Musto

Meio-campista argentino saiu de treino na manhã da última segunda-feira (20) sentindo forte dores no joelho após choque

21 jan 2020
10h14
atualizado às 10h14
  • separator
  • 0
  • comentários

O clima no primeiro treino da última segunda-feira (20) no CT Parque Gigante acabou ficando um tanto quanto tenso após o recém-contratado argentino Damián Musto sentir dores no joelho ao ponto de ter de deixar os treinamentos feitos na parte da tarde.

Foto: Ricardo Duarte/Internacional
Foto: Ricardo Duarte/Internacional
Foto: Lance!

Todavia, ao menos na análise de quem esteve também na atividade, caso do meio-campista Nonato, tudo indica que o companheiro de equipe sentiu apenas o peso do choque no treino e que não deve ter maiores consequências:

- Não pareceu nada. Ele estava normal. Foi só uma pancada pela força que estava o treinamento.

Em relação a possíveis dicas sobre o time titular da próxima quarta-feira (22) e de que maneira ele percebe que atuará na equipe caso seja escolhido, a postura de Nonato foi de absoluta cautela e mistério:

- É um mistério. Até agora não foi falado disso. Não sabemos ainda a equipe. (…) Ele joga com quatro no meio. Treinei centralizado e é uma opção dele. Não tenho preferências. O que o treinador pedir, vou fazer. Confiamos muito no trabalho dele e, por isso, sabemos que ele vai tomar as melhores decisões.

Entretanto, uma coisa é certa: Nas atividades do dia a dia, o meio-campista de 21 anos de idade já está ambientado ao estilo de trabalho do técnico argentino Eduardo Coudet baseado na intensidade em busca constante pela bola.

- Ele exige muito a retomada, após a perda da posse. Gosta que o seu time fique com a bola e, quando perde, ele pede para recuperar o mais rápido possível - concluiu.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade