PUBLICIDADE
Logo do Internacional

Internacional

Favoritar Time

Coudet afirma, mesmo tendo sido derrotado para o Athletico-PR, estar orgulhoso do Inter

Treinador do Internacional resolveu dar incentivo aos seus jogadores.

22 abr 2024 - 10h15
(atualizado às 23h00)
Compartilhar
Exibir comentários
Coudet durante jogo com o Athletico
Coudet durante jogo com o Athletico
Foto: Ricardo Duarte / Internacional / Esporte News Mundo

O Internacional perdeu o primeiro duelo no Brasileirão desta temporada. A derrota chegou na terceira rodada da competição nacional. Após vencer dois jogos consecutivos, o Colorado perdeu pela primeira vez na Série A de 2024 para o Athletico-PR, por 1 a 0, na Ligga Arena, no último domingo (21). A vitória atleticana surgiu de um lindo chute de pé esquerdo de Canobbio no ângulo do compatriota Sergio Rochet.

Além de ter sido apenas o primeiro insucesso neste Campeonato Brasileiro, foi somente a segunda derrota colorada neste ano. Depois de ter perdido para o Guarany de Bagé por 2 a 1 na primeira fase do Gauchão, o Clube do Povo não tinha sido mais superado por nenhum adversário até a queda contra os paranaenses. No total, a equipe liderada por Chacho somava uma sequência de 16 partidas de invencibilidade.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Mas, apesar do cenário aparentemente negativo, Eduardo Coudet, na entrevista coletiva concedida após o jogo em Curitiba, ressaltou os pontos positivos que enxergou na sua equipe no confronto diante do Furacão. No entanto, ao mesmo tempo, expressou o que para ele prejudicou tecnicamente o seu time, e o impediu de ter saído da capital paranaense com um resultado melhor. Inclusive, falou sobre um problema que vem ocorrendo nos últimos compromissos, a falta de gols do que vem afetando o Inter recentemente e que impossibilitou o Internacional de ter conquistado desfecho mais favorável no Paraná.

— O que faltou foi o gol. Ou os gols. Mas estou orgulhoso da atuação do time. Com toda a dificuldade de um campo diferente, um futebol diferente, é muito difícil fazer quase 20 finalizações e jogar com o protagonismo que tivemos. A verdade é que nunca queremos perder, mas, se há uma forma melhor de perder, assim me sinto mais aliviado — avaliou, antes de completar.

— O time fez o que tinha que fazer, sem se importar onde está jogando, querendo ser protagonista. É difícil falar em boa atuação quando se perde, mas foi. O resultado é o que buscamos. A bola vai começar a entrar e, quando começar, vai ser muito mais fácil — complementou Eduardo Coudet.

O comandante colorado revelou que decidiu trocar de estratégia e optou por adotar um método que compreendeu ser o mais adequado para o enfrentamento dentro do gramado sintético da Ligga Arena. Coudet afirmou ter buscado fazer o Colorado atuar mais pelos lados e utilizar menos a parte centralizada do campo para desenvolver as suas ações. Também aproveitou a oportunidade para exaltar o esforço feito pelos seus atletas.

— Tenho que falar da característica do campo. É dificil jogar por dentro. Precisa de mais tempo para ter o controle, a bola está sempre quicando. É mais fácil jogar por fora. Por isso tentamos finalizar o tempo todo, por causa da característica do campo. O ajuste fino é dificil. Criamos muito. Dói muito sair daqui com as mãos vazias. Mas estou orgulhoso do trabalho do time — ponderou.

O Clube do Povo voltou a Porto Alegre com toda a sua delegação ainda na noite de domingo. A segunda-feira (22) vai ser destinada à folga. O Inter tem o seu próximo compromisso marcado para quinta-feira (25). A equipe de Coudet vai enfrentar o Delfín, no encalço da sua primeira vitória na Copa Sul-Americana, e da liderança do grupo C. Para isso, os colorados terão que bater um adversário direto ao topo da chave fora de casa. O time equatoriano é o primeiro colocado, com quatro pontos. Caso o Internacional, que tem dois pontos, supere os donos da casa dentro do estádio Jocay, em Manta, e dependendo do resultado da partida entre Real Tomayapo e Belgrano, na Bolívia, os alvirrubros assumem a ponta do seu grupo.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade